PUBLICIDADE
IPCA
0,26 Jun.2020
Topo

Coluna

Descomplique


Não investe porque tem pouco dinheiro? Pode começar até com R$ 1

Júlia Mendonça

Júlia Mendonça é formada em comércio exterior pela Universidade Positivo. Atuou como planejadora financeira entre 2015 e 2018. Especialista em orientação e planejamento financeiro pessoal, é coach e consultora de finanças, pós-graduada em investimentos, finanças e banking. É influenciadora digital no nicho de finanças e investimentos em um dos maiores canais do assunto na área do Brasil.

20/06/2020 04h00

Investir está cada vez mais acessível. Esse é um tema que comento muito aqui no blog Descomplique e também pauta de diversas outras publicações. Nunca foi tão fácil e tão barato investir como nos dias de hoje. Vou mostrar quanto é necessário para começar nas principais aplicações do mercado e as principais preocupações que você deve ter quando investe com pouco dinheiro.

Com apenas R$ 1 é possível fazer o primeiro investimento. Começando pela poupança, que é o investimento mais básico e a maioria das pessoas já conhece, com 1 centavo você já faz a primeira aplicação. Está longe de ser uma boa aplicação, mas é a porta de entrada para vários investidores iniciantes.

Alternativas

Diversos bancos e fintechs criaram alternativas para a poupança, como CDBs e RDBs, de liquidez diária. Esses investimentos podem render mais que a tradicional poupança, têm grande liquidez e não é cobrada taxa nenhuma para isso. O aporte inicial nos CDBs e RDBs varia de banco para banco, começando em R$ 1 e chegando até mais de R$ 1.000.

Os títulos do tesouro direto também são bastante adequados para iniciantes e têm custo baixo de entrada. Com pouco mais de R$ 35 você investe no tesouro IPCA, que é o título ideal para o longo prazo, incluindo a aposentadoria. Se você quer uma alternativa para o curto prazo, com R$ 105 tem acesso ao tesouro Selic, ideal para esse objetivo.

Bolsa de valores

Não é só na renda fixa que você tem possibilidade de investir com pouca grana. Nas ações é possível aportar com valor baixo também. Com a guerra entre as corretoras de valores para atrair clientes, algumas delas acabaram com as taxas para investir nesses ativos.

É possível comprar ações por menos de R$ 1, como as da companhia telefônica Oi. Outras empresas listadas na bolsa custam menos de R$ 50 por ação no mercado financeiro, como Itaú, Ambev, Petrobras (atenção: isso não é uma recomendação de compra!). O mais legal de tudo isso é que mesmo com pouco dinheiro você tem os mesmos direitos e também recebe dividendos dos seus papéis.

Invista em conhecimento

Apesar de saber que com pouco dinheiro você já começa a engordar seu porquinho, é muito importante ter a ciência de que investimentos não fazem milagres. Se hoje você tem pouco dinheiro para investir, seu foco nos próximos meses e anos deve ser em aumentar sua renda. Muitas vezes, vale mais a pena deixar de aportar nos seus ativos por algum tempo para se dedicar a sua profissão do que se manter aportando sem crescimento na sua renda.

Não deixe o dinheiro acabar com seu relacionamento

UOL Notícias

Descomplique