PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Econoweek

Conheça o método Smart, que vai fazer você atingir todas suas metas em 2021

Conteúdo exclusivo para assinantes
César Esperandio

César Esperandio

César Esperandio é economista com ênfase em planejamento financeiro, com larga experiência no mercado financeiro. Já atuou em setores macroeconômicos de bancos e consultorias, além de ter passado por empresa de pesquisas de mercado. Hoje se dedica exclusivamente ao Econoweek, com foco em investimentos.

22/01/2021 04h00

2021 começou com tudo! Já temos os primeiros brasileiros vacinados, janeiro está quase no fim... Mas como andam suas metas para o ano?

Não, não é tarde para estabelecer seus objetivos! Por isso, na coluna de hoje vou explicar o método Smart: o mais simples para todas suas metas se realizarem em 2021!

O método Smart tem esse nome por causa das iniciais, em inglês, das palavras Specific, Measurable, Attainable, Relevant e Timed.

No vídeo acima, expliquei tudo isso em detalhes, dei dicas bônus botando a "mão na massa" e ainda contei quais são minhas sete metas para 2021, mostrando o que vou fazer para conquistar cada uma delas. Vale a pena assistir!

Veja como são simples os cinco princípios do método Smart que vai fazer você atingir todas suas metas em 2021!

Seja específico

O "S" de Specific do método Smart diz que na hora de traçar suas metas, todas devem ser muito específicas.

Em vez de traçar metas como "viajar mais", "juntar mais dinheiro" ou "quero casar", detalhe quantas viagens pretende fazer, para quais lugares, em quais datas, quanto dinheiro vai gastar, onde vai se hospedar, quais atrações pretende conhecer e qual será o planejamento para isso se tornar realidade.

Faça checkpoints temporais

O "M" do Smart recomenda que todas suas metas devem ser mensuráveis (measurable) ao longo do tempo. Sem colocar números na sua meta, fica difícil saber se está conseguindo avançar nela.

É como se houvesse uma barra de progresso iguais aos dos videogames. Se uma de suas metas envolve juntar R$ 1.200 até dezembro, um checkpoint mensal possível seria verificar se está conseguindo economizar R$ 100 a cada mês.

Não 'viaje na maionese'

Traçar metas mirabolantes é um dos principais motivos de muitos não conseguirem alcançá-las, além de gerar sensação de frustração em alguns casos.

Não adianta ter como meta comprar uma Ferrari ou morar em uma mansão em Dubai se a sua realidade não é essa.

Traçar metas atingíveis fará você ter estímulo para persegui-las ao longo do tempo.

O "A" do método Smart diz justamente que elas devem ser alcançáveis. Por isso, não podem ser muitas, nem megalomaníacas para não gerarem frustração por serem inatingíveis. Nem poucas ou insignificantes que não causem nenhum desafio.

Metas com significados são melhores

O "R" do Smart recomenda que todas suas metas devem ser relevantes para seu contexto, pois isso te causará um senso de propósito.

De nada adianta ter como meta conhecer a Disney se você não gosta de parques e também nunca foi fã dos desenhos da marca.

Vale mais a pena refletir o que realmente te preenche, te faz feliz e traz senso de propósito para definir metas que despertarão em você a vontade de correr atrás "a qualquer custo".

Não enrole

O "T" do método Smart faz referência a timed, que diz que suas metas devem ter prazo final para serem alcançadas.

Pode até parecer uma enrolação para preencher a palavra smart (que significa esperto, em inglês), mas faz sentido. Se sua meta é para alcançada em determinada data, não use qualquer desculpa para postergar. Use o método SMART para torná-la possível de ser atingida no prazo estipulado.

Você também tem metas para esse ano? Quais são elas? Conte nos comentários ou fale com a gente pelo nosso canal do YouTube e Instagram.

PUBLICIDADE