Bolsas

Câmbio

Bolsa sobe 2,4%, na maior alta desde janeiro; bancos saltam mais de 4%

Do UOL, em São Paulo

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, saltou 2,4% nesta segunda-feira (17) e fechou a 64.334,93 pontos, interrompendo uma sequência de três quedas. Foi o maior avanço diário em mais de três meses, desde 12 de janeiro (2,41%). 

Na semana passada, a Bolsa havia perdido 2,74%.

O resultado desta segunda foi influenciado, principalmente, pelo desempenho positivo das ações dos bancos Itaú, Bradesco e Banco do Brasil, que subiram mais de 4%. Também se valorizaram as ações da Vale, da Petrobras e da Ambev. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

Dólar cai 1,34%, a R$ 3,104

dólar comercial fechou em queda de 1,34%, cotado a R$ 3,104 na venda, no menor valor em quase duas semanas, desde 4 de abril (R$ 3,098). 

Foi a maior queda percentual diária em mais de um mês, desde 15 de março, quando havia caído 1,83%. Na semana passada, a moeda norte-americana acumulou desvalorização de 0,12%. 

O mercado de câmbio foi afetado pela decisão do governo de tentar manter a cronograma de votações das reformas da Previdência e trabalhista no Congresso Nacional, mesmo com as delações no âmbito da operação Lava Jato. As delações de executivos da Odebrecht envolveram diversos ministros do presidente Michel Temer e importantes políticos da base aliada. 

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos