IPCA
0,51 Nov.2019
Topo

Cotações


Dólar sobe 1% e fecha em R$ 4,183 na venda; Ibovespa fecha em baixa

Do UOL*, em São Paulo

02/09/2019 17h05

O dólar comercial fechou o dia em alta de 1%, cotado a R$ 4,183 na venda. O valor é o mais alto desde 13 de setembro do ano passado. À época, a moeda fechou em R$ 4,195, recorde desde a implementação do Plano Real.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou em baixa de 0,5% aos 100.625,74 pontos.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para turistas, o valor sempre é maior.

Incerteza externa

O dólar se valorizou em dia marcado por menor volume de negociações devido a um feriado nos Estados Unidos, com maior cautela dos agentes do mercado diante das incertezas em torno das negociações comerciais entre EUA e China.

Para o estrategista de renda fixa da Corretora Coinvalores Paulo Celso Nepomuceno, a falta de 'players' estrangeiros dado o feriado nos EUA e as incertezas em torno das negociações comerciais contribuíam para o movimento da moeda norte-americana frente ao real nesta segunda-feira.

"A falta de indicadores de mercado, como o spread entre os Treasuries de curto e longo prazo, também traz um sentimento de maior incerteza. De um lado, temos uma certa instabilidade sobre as relações EUA e China pesando e, de outro, a falta de indicadores para se apoiar. No caso, quem prevalece é a incerteza."

A China e os Estados Unidos recomeçaram a impor tarifas extras sobre produtos um do outro no domingo, apesar de sinais de que negociações podem ser retomadas em algum momento neste mês. Nesta segunda, a China informou que entrou com um processo contra os EUA junto à Organização Mundial do Comércio (OMC) por causa de tarifas de importação, mas não divulgou detalhes sobre seu procedimento legal.

* Com Reuters

Entenda como funciona o câmbio do dólar

UOL Notícias

Cotações