PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Empreendedorismo

Prêmio dá R$ 10 mil, aparelhos e assessoria para empresárias de baixa renda

Empreendedoras da empresa Delícias da Lili, apoiada pelo Consulado da Mulher - Divulgação
Empreendedoras da empresa Delícias da Lili, apoiada pelo Consulado da Mulher Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

21/03/2016 06h00

O Prêmio Consulado da Mulher de Empreendedorismo Feminino vai selecionar dez empresas do ramo de alimentação geridas por mulheres de baixa renda para dar a quantia de R$ 10 mil, eletrodomésticos (de acordo com a necessidade do negócio) e assessoria em negócios grátis por dois anos.

As inscrições estão abertas até o dia 10 de abril, pelo site (http://zip.net/bxs3yR, url encurtada e segura).

Para participar, é necessário atender aos seguintes critérios: trabalhar em rede (por exemplo, utilizar matéria-prima de outros empreendedores); atuar no segmento de alimentação; ter liderança feminina; trabalhar de forma sustentável; ter parceria com entidades sem fins lucrativos e renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo mensal.

Em maio, serão divulgadas as pré-selecionadas, que receberão visita técnica para comprovar as informações apresentadas. As aprovadas serão apresentadas em julho.

“O prêmio tem como objetivo fortalecer o empreendedorismo popular feminino. Com isso, oferecemos oportunidades a todas as mulheres que sonham em prosperar e melhorar o dia a dia de sua família e comunidade”, diz Leda Böger, diretora-executiva do Instituto Consulado da Mulher.

O Consulado da Mulher é uma ação social da marca Consul. O prêmio está na quarta edição.
 

Especialista explica como empreender sem medo

Empreendedorismo