Felipe Melo, do Palmeiras, tem franquia de futebol que ajuda a estudar fora

Larissa Coldibeli

Colaboração para o UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Os sócios da Next Academy da esquerda para direita: Felipe Araújo, Yalli Oliveira, Felipe Melo, Bruno Pessoa e Danilo Miler

    Os sócios da Next Academy da esquerda para direita: Felipe Araújo, Yalli Oliveira, Felipe Melo, Bruno Pessoa e Danilo Miler

O jogador Felipe Melo, do Palmeiras, é um dos sócios da Next Academy, franquia que dá aulas de futebol e assessora atletas que almejam uma bolsa de estudos para fazer universidade nos EUA. São 22 unidades no Brasil e duas em Portugal, com mais de 1.500 alunos.

Desde 2013, quando foi criada, a empresa afirma ter enviado mais de 400 atletas para estudar no exterior. As bolsas variam de 10% a 100%, dependendo da universidade.

Pagando uma mensalidade de R$ 398, jovens de 15 a 23 anos têm treinos de futebol duas vezes por semana e acesso a uma plataforma online com cursos de inglês, de empreendedorismo, de finanças e de inteligência emocional. A franquia faz eventos como torneios e peneiras com treinadores americanos, que avaliam os candidatos.

"Cada universidade tem seus critérios, mas, em geral, é avaliado o histórico escolar, a proficiência em inglês, o desempenho no SAT, que é o Enem americano e, para a bolsa de estudos esportiva, a habilidade no futebol", afirma Bruno Pessoa, 25, um dos sócios.

Curso não garante vaga na universidade

Ele diz que a empresa não promete resultados, já que a concorrência é grande (há candidatos do mundo inteiro) e depende da dedicação e do desempenho dos alunos. Ele próprio estudou nos EUA, na Fresno Pacific University, na Califórnia, onde se formou em marketing com bolsa de estudos como jogador de futebol.

A ideia de negócio surgiu da própria experiência e de ver o interesse de jovens brasileiros e de treinadores americanos por bons atletas fora dos EUA. Ele se juntou a outros quatro sócios brasileiros que também eram atletas em universidades nos EUA: Danilo Miller, Yalli Oliveira, Felipe Araújo e Jônatas Polesello. Eles se conheceram em torneios de futebol.

Felipe Melo se juntou à empresa apenas em 2015, quando fez um aporte de R$ 3,1 milhões, e é sócio-investidor, mas não participa da gestão do negócio. 

A meta é chegar a 100 unidades da Next Academy até 2019. Confira abaixo os dados da franquia, fornecidos pela empresa:

  • Investimento inicial a partir de R$ 200 mil
  • Faturamento médio mensal de R$ 100 mil
  • Lucro médio mensal de R$ 21,5 mil
  • Retorno do investimento a partir de 24 meses
  • É necessário ter área para campo de futebol

Escola precisa ensinar outros valores

Para Luis Stockler, da BaStockler, consultoria especializada em franquias, o negócio tem potencial, dada a popularidade do futebol no Brasil. Porém, ele diz que é necessário ter cuidado na hora de vender o serviço, já que o curso não é garantia de vaga.

"Eles precisam se posicionar como uma escola preocupada com a saúde do aluno, com seu desempenho, com o ensino de valores como disciplina e trabalho em equipe, que são inerentes ao esporte. O resto vai depender da dedicação do aluno. Se os pais disserem que foi dinheiro jogado fora por não conseguir a vaga, eles perdem a credibilidade."

Onde encontrar:

Next Academy: www.nextacademy.com.br

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos