ipca
-0,21 Nov.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Empreendedorismo

Pizzaria aposta em Donkey Kong, Mario Kart e Top Gear, e dobra faturamento

Lucas Gabriel Marins

Colaboração para o UOL, em Curitiba

12/11/2018 04h00

A Dona Pizza, de Curitiba (PR), oferece um cardápio diferente aos clientes. Além de 80 sabores de pizza, o estabelecimento disponibiliza cerca de 150 jogos de consoles clássicos da década de 1990. Os carros-chefes são os games do Super Nintendo, como Donkey Kong, Mario Kart e Top Gear. 

O local foi inaugurado há 13 anos, mas os games só passaram a fazer parte do menu em março de 2017. "A minha ideia era montar uma casa só para jogar videogame, mas percebi que saiu de moda. Decidi, então, trazer os games para a pizzaria mesmo", disse o proprietário, Marcelo Ramos Gularte, 32.

Leia também:

Ele investiu R$ 50 mil na mudança. Com parte do dinheiro, comprou mesas, sofás, consoles e cartuchos. São cinco modelos diferentes de videogames (Super Nintendo, Mega Drive, GameCube, Playstation One e Nintendo 64) e 14 televisores disponíveis.

Uma parte do investimento foi para decoração e pintura. No local, há portas que fazem referência ao castelo de Super Mario World, mesas em formato de controle e um mural em homenagem a Allejo, famoso jogador do game International Superstar Soccer.

Faturamento dobrou

O faturamento mensal antes da entrada dos jogos no cardápio era de R$ 60 mil, em média, segundo Gularte. "Hoje, esse valor dobrou, e essa alta é decorrente das vendas nas mesas, que representam 60% de tudo que faturo. O restante é delivery". O lucro não foi revelado.

Cerca de 3.000 clientes passam pelo local todos os meses, quantidade três vezes maior do que a registrada na época em que não havia games, disse ele.

Para jogar, cliente deve consumir e pagar taxa de R$ 5

Para jogar, é preciso pagar uma taxa de R$ 5 e consumir algo na pizzaria. Não há tempo ou consumo mínimos, mas, segundo Gularte, é necessário ter "bom senso". Se a pessoa quiser trocar de jogos, é cobrada uma taxa extra de R$ 3.

Todos os meses, a pizzaria organiza campeonato de algum jogo. O título é decidido por meio de votação nas redes sociais. O último, por exemplo, foi de Mortal Kombat.

Pizzas custam de R$ 35 a R$ 52

Os preços das pizzas variam de R$ 35 a R$ 52. A mais pedida é a de mignon com cheddar, coberta por batatas fritas ou anéis de cebola. Custa R$ 52.

O estabelecimento também tem opções de hambúrgueres, com preços que variam de R$ 12,90 a R$ 23,90. O mais pedido é o Senhor Angus Rings, com hambúrguer de angus de 160 gramas, cheddar, bacon, anéis de cebola, alface, tomate e molho barbecue. O prato, que custa R$ 19,90, acompanha 160 gramas de batatas rústicas.

Outra opção é uma torre de batatas fritas com molho quatro queijos, bacon e cheddar, que leva o nome de o 8bits Tower, em referência aos antigos consoles. Custa R$ 28,90 e serve até quatro pessoas.

Precisa criar estratégias para o cliente voltar

Para Solange Barbosa, consultora em gestão e professora de administração da PUC-PR, a ideia de incluir jogos clássicos é positiva, pois atrai a geração dos anos 1980 e 1990, que hoje está na faixa dos 30 a 40 anos, tem capacidade de compra e pode influenciar filhos ou irmãos mais novos.

Segundo ela, na era do "user experience", as empresas não devem apenas vender produtos, mas também proporcionar experiências aos clientes. "A pizzaria conseguiu alcançar isso ao oferecer, por meio dos games, estímulos sensoriais que geram gatilhos emocionais."

Entretanto, não adianta ser apenas legal e diferente, é preciso ter uma proposta consistente para fazer o cliente voltar, disse Solange. "Uma dica importante é oferecer uma experiência renovável, sempre com algo novo para ver e sentir, mesmo que dentro do mesmo conceito. Alternativas interessantes são benefícios, como acessos privilegiados a novidades, e convites especiais para amigos e convidados."

Onde encontrar:

A Dona Pizza - https://www.facebook.com/ADonaPizza/

Mais Empreendedorismo