IPCA
0.11 Ago.2019
Topo

Empreendedorismo


Novas empresas de aluguel de carro atendem só motoristas de aplicativos

Sem frota própria, a Kovi tem parceria com montadoras e locadoras - Divulgação
Sem frota própria, a Kovi tem parceria com montadoras e locadoras Imagem: Divulgação

Claudia Varella

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/08/2019 04h00

Resumo da notícia

  • As startups Kovi e PPCar oferecem serviço de locação de veículos exclusivamente para motoristas de aplicativos, como Uber, 99 e Cabifay
  • Na PPCar, o aluguel semanal custa a partir de R$ 469
  • Na PPCar, o motorista pode recebe até 10% de comissão mensal sobre o aluguel dos veículos das pessoas que ele indicar
  • A Kovi não tem frota própria, mas trabalha com veículos de montadoras e de locadoras; só carros zero km ou com baixa quilometragem
  • Na Kovi, os planos de aluguel são por quilometragem, com pagamentos semanais
  • Pacote de 5.000 km/mês da Kovi sai por R$ 1.476 (R$ 369 por semana); há custo adicional de R$ 0,35 por km excedido

Duas empresas criadas em São Paulo apostam no serviço de locação de veículos exclusivamente para motoristas de aplicativos, como Uber, 99 e Cabify. Uma recebeu aporte milionário de investidores e outra diz ter aumentado o faturamento em quase 300%.

Criada em 2018, a Kovi recebeu neste ano um aporte de US$ 10,6 milhões de fundos investidores, como o Monashees e Y Combinator. O investimento inicial, o faturamento médio mensal e o lucro não foram revelados.

A PPCar, criada em 2016 com investimento inicial de R$ 250 mil, faturou R$ 27,3 milhões no ano passado (crescimento de 290% em relação a 2017). A empresa não revela o lucro.

PPCar tem marketing multinível

A PPCar começou com 400 carros na frota e hoje tem 2.700 veículos. O aluguel semanal custa a partir de R$ 469. Há promoções, como primeira semana grátis para quem aluga por mais tempo (o cliente precisa continuar na PPCar por quatro semanas completas para ter o benefício).

A empresa está presente nas cidades de São Paulo, Santos (SP), Rio de Janeiro, Belo Horizonte (MG), Porto Alegre (RS) e Curitiba (PR), além de operar também no México e em Portugal. Diz ter 2.200 clientes ativos e só atende motoristas de aplicativos.

Criada em 2016, a PPCar faturou R$ 27,3 milhões no ano passado - Divulgação
Criada em 2016, a PPCar faturou R$ 27,3 milhões no ano passado
Imagem: Divulgação

A PPCar trabalha com marketing multinível: o motorista pode recebe até 10% de comissão mensal sobre o aluguel dos veículos das pessoas que ele indicar. É opcional.

"Além de dar crédito a quem precisa, estamos dividindo o crescimento da empresa com os nossos clientes", afirmou Alexandre Ribeiro, CEO e fundador da PPCar. Segundo ele, cerca de 30% dos novos aluguéis são trazidos pelos próprios clientes.

A empresa está testando outro serviço, o PPCar Empresas, para atender micro e pequenas empresas que necessitem de frota de no mínimo três veículos. O aluguel é mensal.

Kovi tem parceria com montadoras e locadoras

A Kovi não tem frota própria. A empresa trabalha com veículos de montadoras e de locadoras, com contratos que variam de 12 a 18 meses. Só são carros zero km ou com baixa quilometragem.

Os planos da empresa, que atua em São Paulo e região metropolitana, são por quilometragem, com pagamentos semanais. O de 5.000 quilômetros por mês, o valor sai por R$ 1.476 (pagamento de R$ 369 por semana); os de 8.000 km/mês, por R$ 2.116 (R$ 529 por semana). Há custo adicional de R$ 0,35 por km excedido.

Os modelos mais alugados são Voyage, Ford Ka e Nissan Versa, mas também há Prisma e Gol, com menor volume de locação. Não há oscilação de preço pelo modelo.

A Kovi aluga exclusivamente para motoristas de aplicativos.

Motorista fica livre de manutenção, diz consultora

Para Roberta Sodré, consultora de inovação e tecnologia do Sebrae-SP, com veículo alugado, o motorista só tem que se preocupar em dirigir, já que a manutenção do carro é de responsabilidade das empresas.

No entanto, segundo ela, o motorista deve sempre avaliar e comparar se vale a pena alugar ou comprar um veículo financiado, levando em conta todos os custos envolvidos, como seguro e IPVA. "É importante que ele tenha controle de suas despesas, escolhendo a melhor opção de mobilidade para o seu negócio."

Sobre o modelo de negócio, Roberta disse que o tamanho da frota pode ser um limitador para a PPCar. "Ao ofertar a opção de um motorista indicar outro para ganhar comissão, a empresa deve ter uma frota suficiente para atender a uma possível demanda de novos aluguéis", declarou.

Onde encontrar:

PPCar - https://www.ppcar.com.br/
Kovi - https://www.kovi.com.br/

Uber lança serviço que leva passageiros ao fundo do mar

Band Entretenimento

Mais Empreendedorismo