IPCA
0,83 Mai.2024
Topo

Como receber R$ 5.000 todos os meses com fundos imobiliários?

Financiamento imobiliário fundo imobiliário fundos imobiliários FIIs imóvel imóveis casa própria - ArLawKa AungTun/iStock
Financiamento imobiliário fundo imobiliário fundos imobiliários FIIs imóvel imóveis casa própria Imagem: ArLawKa AungTun/iStock

19/08/2022 04h00

Para quem quer viver de renda, os fundos de investimento imobiliário (FIIs) são uma opção bastante prática. Eles depositam, mensalmente, um valor na conta do investidor.

É possível, por exemplo, receber R$ 5.000 por mês aplicando em diferentes FIIs. Na coluna de hoje eu mostro quanto seria preciso investir, em cinco fundos diferentes, para obter essa renda mensal.

Importante: em todas as simulações deste texto, o rendimento parte da premissa de que os fundos mantenham o nível de de distribuição de proventos dos últimos 12 meses.

Você vai ver também quais são os riscos desse tipo de ativo e como se proteger deles.

VGIP11: R$ 343 mil

O fundo chamado Valora CRI Índice de Preço, negociado pelo código VGIP11, é hoje um dos mais rentáveis do mercado, se compararmos o seu preço atual com o volume de proventos que tem distribuído.

Investindo R$ 343 mil nesse fundo, e se ele continuar remunerando os investidores no mesmo ritmo dos últimos 12 meses, a tendência é de que você receba uma renda mensal aproximada de R$ 5.000 na sua conta corrente.

Mas não se esqueça desse ponto: você só terá essa renda se o fundo não reduzir o nível de pagamento de proventos. Isso vale para todos os FIIs citados nesta coluna.

Outro aspecto importante a ser considerado é que, no caso específico do VGIP11, a remuneração aos cotistas tem variado muito. Em junho, por exemplo, ele pagou R$ 1,75 por cota. No mês seguinte, caiu para R$ 1,42 e, em agosto, ficou em apenas R$ 1.

Eu, particularmente, invisto nesse fundo, apesar de sua inconstância. No entanto, para quem deseja mais previsibilidade no recebimento de proventos, pode não ser uma boa escolha.

VRTA11: R$ 402 mil

O fundo chamado Fator Verita, negociado pelo código VRTA11, tem distribuído proventos de forma consistente, sem grandes variações de um mês para o outro.

Trata-se de um sinal positivo para quem deseja uma certa previsibilidade no recebimento da sua renda mensal. Esse é um dos motivos pelos quais eu mantenho esse fundo na carteira.Atualmente, investindo R$ 402 mil no VRTA11 e, se ele continuar remunerando os investidores no mesmo ritmo dos últimos 12 meses, a tendência é de que você receba uma renda mensal aproximada de R$ 5.000 na sua conta corrente.

MCCI11: R$ 475 mil

O MCCI11, cujo nome é Mauá Capital Recebíveis Imobiliários, chama atenção pelos seus crescentes pagamentos de proventos.

Desde agosto de 2020, ele não reduz a remuneração ao cotista. Naquele mês, pagou R$ 0,60 por cota. Depois, foi aumentando gradativamente os pagamentos e, em agosto de 2022, chegou a R$ 1,10.

Hoje, para se obter uma renda de R$ 5.000 por mês com o MCCI11, é preciso investir R$ 475 mil.

HGLG11: R$ 644 mil

O HGLG11 é o primeiro fundo de tijolo desta lista. Ou seja, ao investir nele, você estará comprando uma fração de um conjunto de imóveis físicos. Já nos fundos anteriores, o que você compra são contratos de recebíveis imobiliários, que lhe dão direito de receber, por exemplo, as parcelas que as pessoas pagam para comprar a casa própria.

No caso do HGLG11, os imóveis são galpões logísticos e o que você recebe, ao investir neles, é o aluguel que as empresas pagam para utilizar essas propriedades.

Para se obter uma renda de R$ 5.000 por mês com esse fundo, é necessário investir R$ 644 mil.

Entre os fundos aqui citados, este é o único que eu não tenho em minha carteira. Não por não gostar dele, apenas porque, nos momentos em que eu ia investir meu dinheiro, sempre ocorria de haver algum outro que, a meu ver, parecia mais atraente.

BTLG11: R$ 701 mil

O BTG Pactual Logística (BTLG11), como diz o nome, também detém galpões logísticos no seu portfólio. Gosto dele porque detém imóveis de qualidade (o chamado padrão A+) localizados principalmente no estado de São Paulo, região que dificilmente deixará de ser importante para o setor logístico.

Com um investimento de R$ 701 mil, é possível receber uma renda mensal de R$ 5.000 com o BTLG11.

E se eu investir em todos esses fundos?

Se você dividir seus investimentos de forma homogênea nos cinco FIIs citados acima, seria necessário aplicar um montante de R$ 513 mil.

Quais são os riscos (e como se proteger deles)

Se você está investindo em FIIs com o objetivo de receber uma renda passiva, o risco que você corre é o de o fundo reduzir a distribuição de proventos.

Isso pode acontecer, por exemplo, se os imóveis que pertencem ao fundo perderem parte dos seus locatários (ou mesmo todos eles).

No entanto, uma forma de mitigar esses riscos é distribuindo os investimentos em diferentes fundos. O ideal é não só ter diversos FIIs na carteira, mas também que eles tenham características diferentes.

Por exemplo, ter fundos de recebíveis (os chamados fundos de papel, como os três primeiros desta lista) e também de tijolo (que possuem imóveis físicos, como os dois últimos).

Não é recomendação

Sempre gosto de reforçar que nenhum dos ativos citados representa uma recomendação de compra ou de venda.

Nesta coluna eu apenas compartilho insights que tenho ao pesquisar investimentos, para que você avalie e tome sua própria decisão. A minha propensão ao risco pode ser diferente da sua.

Alguma dúvida?

Tem alguma dúvida sobre investimentos? Envie uma mensagem para o meu perfil no Instagram. Sua pergunta poderá ser respondida em breve nesta coluna.

Este material não é um relatório de análise, recomendação de investimento ou oferta de valor mobiliário. Este conteúdo é de responsabilidade do corpo jornalístico do UOL Economia, que possui liberdade editorial. Quaisquer opiniões de especialistas credenciados eventualmente utilizadas como amparo à matéria refletem exclusivamente as opiniões pessoais desses especialistas e foram elaboradas de forma independente do Universo Online S.A.. Este material tem objetivo informativo e não tem a finalidade de assegurar a existência de garantia de resultados futuros ou a isenção de riscos. Os produtos de investimentos mencionados podem não ser adequados para todos os perfis de investidores, sendo importante o preenchimento do questionário de suitability para identificação de produtos adequados ao seu perfil, bem como a consulta de especialistas de confiança antes de qualquer investimento. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura e não está isenta de tributação. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, a depender de condições de mercado, podendo resultar em perdas. O Universo Online S.A. se exime de toda e qualquer responsabilidade por eventuais prejuízos que venham a decorrer da utilização deste material.