PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Fundos de games ficam mais acessíveis para investidor comum; vale a pena?

Exclusivo para assinantes UOL

Rejane Aguiar

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/04/2021 04h00

O universo dos games pode parecer brincadeira de adolescente ou passatempo de adultos aficionados em tecnologia, mas já tem muita gente ganhando dinheiro com eles — e isso inclui os investidores do mercado financeiro.

Não é à toa: esse mercado movimenta cerca de US$ 160 bilhões por ano no mundo, segundo dados da Newzoo, plataforma de estatísticas do setor. Esse valor é maior do que as indústrias do cinema e da música somadas —aproximadamente US$ 50 bilhões e US$ 20 bilhões, respectivamente, segundo o banco Goldman Sachs.

As opções de investimentos nesse segmento, antes restritas àqueles que têm mais recursos, chegam com força ao investidor comum. Gestoras independentes e até a área de investimentos de grandes bancos oferecem fundos temáticos de games. Mas será que vale a pena investir nesse setor? Quais cuidados os investidores precisam ter? Confira o que dizem os especialistas ouvidos pelo UOL antes de investir.