PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Como 'carros voadores' ajudaram ação da Embraer a decolar 15% na Bolsa hoje

Conteúdo exclusivo para assinantes

Mitchel Diniz

Colaboração para o UOL, em São Paulo

10/06/2021 17h48

Carros voadores ajudaram a Embraer a decolar nos negócios desta quinta-feira (10). As ações da empresa passaram o dia entre os destaques de alta do Ibovespa e fecharam a sessão da Bolsa com aumento de 15,61%, depois do anúncio de que a sua subsidiária Eve está em tratativas para uma possível fusão com a norte-americana Zanite Acquisition Corp.

A Zanite é uma empresa de aquisição de propósito específico ou "Spac", na sigla em inglês, listada no mercado de capitais norte-americano. A Eve foi lançada em outubro do ano passado para fabricar veículos elétricos de pouso e decolagem, também conhecidos como eVTOLs.

Nas duas últimas semanas, a Embraer anunciou a venda pela subsidiária de 250 carros voadores: 200 unidades para a Halo, empresa norte-americana de serviços de mobilidade aérea urbana, e 50 para a Helisul Aviations, que opera helicópteros na América Latina. Mas por que essa notícia foi recebida de forma positiva pelo mercado? Veja o que disseram os analistas ouvidos pelo UOL Economia+.

Movimento é positivo para investidores?

A Eve ou uma empresa combinada com a Zanite poderia ser listada em bolsa [estrangeira] com tendência a capitalização, destravando valor para esse segmento dentro da Embraer, que tem valor de mercado de US$ 2,5 bilhões (R$ 12,5 bilhões). Só essa combinação entre as empresas teria capacidade para gerar um negócio de US$ 2 bilhões (R$ 10 bilhões).
Régis Chinchila, estrategista da Terra Investimentos

O valor da empresa que surgiria com a fusão fez brilhar os olhos dos investidores e impulsionou o preço das ações. No entanto, a cifra não foi confirmada pela Embraer.

Os analistas fazem uma avaliação positiva da busca pela Embraer por novas oportunidades em tecnologia e acreditam que soluções inovadoras de mobilidade aérea urbana podem ter o mesmo tipo de benefício que a aviação trouxe para viagens mais longas.

Claro que é um mercado bastante específico, mas para a Embraer e seus engenheiros, estar a frente desse segmento seria especial no cenário brasileiro.
Régis Chinchila

O mercado para esse tipo de veículo é muito embrionário para gerar receitas de curto prazo. Mas nos Estados Unidos, empresas de alta tecnologia com soluções inovadoras estão sendo muito procuradas.
Luis Sales, estrategista-chefe da Guide Investimentos

Desde que o acordo com a Boeing foi cancelado no começo do ano passado, a Embraer viu seu valor de mercado triplicar. E se o negócio entre Eve e Zanite decolar, as ações da empresa vão ganhar mais combustível para voar mais alto, segundo analistas.

Existe espaço para valorização dos papéis, mas precisamos acompanhar a evolução das tratativas, entender o modelo do negócio.
Luis Sales

A analista de investimentos da Nova Futura Corretora, Bruna Sene, diz que mesmo com as perspectivas positivas para a Embraer, as ações não devem voltar a subir com a mesma intensidade do pregão desta quinta-feira (10).

Eu vejo que o tempo para quem queria pegar uma valorização como a de hoje no curto prazo já passou. Eu esperaria uma nova movimentação. Porém a empresa continua em tendência de alta, para quem está comprado, eu recomendo manter.
Bruna Sene

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.

PUBLICIDADE