PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Alta dos frigoríficos: ações de Marfrig e BRF disparam. É hora de vender?

Frigorífico RPF Group em Ibiporã, interior do Paraná - Divulgação
Frigorífico RPF Group em Ibiporã, interior do Paraná Imagem: Divulgação
Conteúdo exclusivo para assinantes

Lílian Cunha

Colaboração para o UOL, de São Paulo

28/03/2022 16h18Atualizada em 29/03/2022 17h37

As ações da Marfrig (MRFG3) estão em alta nesta segunda-feira (28) após o resultado de uma disputa com o fundo de pensão dos funcionários do Banco do Brasil. Às 15h40 os papéis da empresa de carnes estavam em alta de 4,21%, totalizando R$ 21,02.

Outras companhias do setor de frigoríficos acompanhavam o movimento. A Minerva Foods (BEEF3) subia 3,32%, chegando a R$ 12,13. A BRF (BRFS3), dona das marcas Sadia e Perdigão, valorizava 2,65%, a R$ 17,45; enquanto a JBS (JBSS3) crescia 2,12%, atingindo R$ 36,17.

Analistas ouvidos pelo UOL indicam que, para quem tem ações do segmento, o momento atual pode ser uma boa oportunidade para vendê-las e resgatar o dinheiro. Entenda mais abaixo.

A disputa de fundos de pensão

O fundo de pensão dos funcionários do Banco do Brasil (Previ) pretendia limitar a hegemonia da Marfrig ao indicar um nome ao colegiado da fabricante de alimentos. Ao deter 33% da BRF e ser a maior acionista do grupo, a Mafrig mirou os fundos de pensão da Petrobras e do Banco do Brasil.

Vale reforçar que fundos de pensão são investimentos que funcionam como uma aposentadoria complementar, como forma de aumentar os recursos recebidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Em assembleia realizada hoje (28), a Marfrig e a Previ chegaram a um acordo e indicaram o executivo Aldo Luiz Mendes —ex-vice-presidente de finanças do Banco do Brasil e ex-diretor do Banco Central (BC)— para a chapa que irá compor o Conselho de Administração da BRF. E isso fez os preços das duas empresas subissem e puxassem outras companhias do mesmo segmento.

"Como os papéis de frigoríficos apanharam muito com a queda do dólar até sexta-feira (25), no último pregão, e hoje a moeda americana [dólar] já subiu mais de 1%, essas empresas também ganham, porque são exportadoras", diz Márcio Lorega, analista do Pagbank. Às 15h40, o dólar estava em alta de 0,85%, cotado a R$ 4,78.

Comprar ou vender ações da Marfrig?

"É um risco bem pesado [comprar ações]", afirma Lorega. Segundo ele, esses papéis já estão num patamar de preço bem alto e não devem subir muito mais que isso.

Ainda, a guerra entre Rússia e Ucrânia bem como a provável falta de fertilizantes devem afetar o setor, já que podem impactar no preço da alimentação dos animais. Portanto , para o analista, agora é um bom momento para vender as ações de frigoríficos.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.

PUBLICIDADE
Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado na versão original deste texto, a Marfrig não é dona das marcas Sadia e Perdigão, mas sim a BRF. A informação foi corrigida.