PUBLICIDADE
IPCA
-0,68 Jul.2022
Topo

Vou viajar daqui a um ano; como juntar dinheiro e me proteger da inflação?

Pretende viajar dentro de um ano? Veja onde investir no curto prazo para fugir da inflação - Getty Images/iStockphoto
Pretende viajar dentro de um ano? Veja onde investir no curto prazo para fugir da inflação Imagem: Getty Images/iStockphoto
só para assinantes

Colaboração para o UOL, em São Paulo

26/06/2022 04h00

Está planejando viajar daqui a um ano e não sabe onde investir para este objetivo, para não ter a grana corroída pela inflação? No Papo com Especialista, programa ao vivo do UOL, a planejadora financeira e investidora Viviane Ferreira mostra as aplicações mais recomendadas para proteger seu dinheiro da alta dos preços neste curto prazo de um ano.

"Como o prazo é muito curto, às vezes não dá para fazer um investimento que seja, de fato, vinculado a títulos do tipo IPCA+. Então, a gente precisa investir em algo mais conservador, mais seguro, para garantir esse dinheiro dentro do prazo", diz.

Leia a explicação dela e assista abaixo ao trecho do programa. O Papo com Especialista é um tira-dúvidas sobre investimentos exclusivo para assinantes e é transmitido quinzenalmente, às quintas-feiras, das 15h às 16h.

Investir no curto prazo

A prévia da inflação (IPCA-15) acelerou a 0,69% em junho e atingiu 12,04% em 12 meses. As passagens aéreas registraram forte alta, de 11,36%, fazendo a inflação chegar a 123,26% em 12 meses. Isso significa que os preços mais do que dobraram.

Para Viviane, investimentos adequados para o curto prazo de um ano são títulos pós-fixados que acompanham a taxa Selic (hoje, 13,25% ao ano). "Como a Selic subiu por conta da inflação, ela acaba compensando um pouco essa inflação", diz.

São eles:

  • Tesouro Selic, do Tesouro Direto
  • CDBs de bancos: são protegidos pelo FGC (Fundo Garantidor de Créditos). Há CDBs que são oferecidos a 100% ou mais do CDI. "O CDI é um indicador do mercado que acompanha a Selic. O CDB paga sempre um percentual do CDI. Então, precisa ser o mais próximo de 100% do CDI", diz.
  • Contas remuneradas com rendimento de 100% ou mais do CDI
  • LCI (Letra de Crédito Imobiliário) e LCA (Letra de Crédito Agrícola): são vinculadas ao CDI e isentas de Imposto de Renda
  • Fundos DI com rendimento na faixa de 100% do CDI

"Para o curto prazo, é esse tipo de investimento mais conservador e com pouca oscilação em 12 meses", diz.

Papo com Especialista é quinzenal

O programa Papo com Especialista é transmitido às quintas-feiras, quinzenalmente, das 15h às 16h, na página inicial do UOL, no UOL Economia e no UOL Investimentos, e é exclusivo para assinantes. Reveja programas anteriores aqui.

Você pode enviar perguntas ao Papo pelo email uoleconomiafinancas@uol.com.br —elas podem ser respondidas no programa.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

A página de investimentos do UOL tem uma newsletter gratuita que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar, você recebe todos os dias, antes da abertura da Bolsa, uma análise do mercado feita pelo analista Rafael Bevilacqua, da casa Levante Ideias de Investimentos. Com essa newsletter, você vai aprender a investir e entender o que está acontecendo com o mercado.

Além da newsletter diária, você também recebe, semanalmente, uma análise sobre investimentos, com dicas sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro. Para assinar a newsletter gratuita de investimentos do UOL, é só clicar aqui.

Tem dúvidas sobre ações, fundos e outros investimentos da Bolsa? Envie sua pergunta para uoleconomiafinancas@uol.com.br.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.