IPCA
0,42 Mar.2024
Topo

Petrobras sobe na Bolsa com corte de produção; devo investir?

Petróleo: Opep faz corte na produção - Getty Images/iStockphoto
Petróleo: Opep faz corte na produção Imagem: Getty Images/iStockphoto

Lílian Cunha

Colaboração para o UOL, em São Paulo

03/04/2023 14h03

As ações de empresas petroleiras estão em alta nesta segunda-feira (3). Com corte na produção de petróleo, essas empresas podem ganhar mais, mas há temores sobre uma inflação ainda mais alta.

O que está acontecendo?

Ações estão em alta. Por volta das 14h, as ações PETR3 e PETR4 da Petrobras subiam 3,17% e 2,94%, para R$ 27,33 e R$ 24,14, respectivamente. PetroRio (PRIO3) tinha alta de 4,04%, para R$ 32,45 e a 3R Petroleum (RRRP3) valorizava 2,41%, para R$ 30,18.

Países vão produzir menos petróleo. Organização dos Países Exportadores de Petróleo e seus aliados, incluindo a Rússia, anunciou no fim de semana um corte surpresa na produção do óleo de mais de 1 milhão de barris por dia. Isso foi uma surpresa para o mercado.

Preço vai subir. O preço do barril de petróleo pode subir para US$ 100. Atualmente, o valor é de cerca de US$ 84, com alta de 5,87% às 13h40.

Com a volta da demanda chinesa por combustível e esse corte, especula-se que no segundo semestre o preço chegue a US$ 100.
Mauro Miranda, sócio da Messen Investimentos

Aumentam os temores de inflação. Em teoria, menos petróleo fluindo para as refinarias deverá significar preços mais altos da gasolina para os motoristas, aumentando a inflação que atinge os EUA e a Europa.

Tensão entre países poderosos cresce. Analistas dizem que um fator preocupante é o aumento da tensão no cenário geopolítico internacional. A Opep+, que representa cerca de 30% da produção mundial, faz, segundo eles, uma afronta ao maior produtor do mundo, os Estados Unidos. Também beneficia a Rússia, que exporta para China.

Lá fora, Bolsas caem. Os principais índices de Wall Street abriram em baixa hoje.

O que pode acontecer no Brasil?

Inflação também pode piorar no Brasil. Com combustíveis mais caros, outros preços podem subir. A base do transporte de mercadorias no Brasil depende do combustível, diz Miranda.

Mas impacto não deve ser tão grande. Já estivemos em situação semelhante em 2020, quando a produção de petróleo caiu e o preço subiu, diz Vitorio Galindo, analista de investimentos e diretor de análise fundamentalista da casa de análise Quantzed. A inflação pode demorar mais para cair, diz ele.

Governo pode ter mais receitas. Com o aumento do preço do petróleo e das receitas da Petrobras, o governo pode ter receitas maiores, o que ajuda na sua regra de controle de gastos, diz Galindo.

O que pode acontecer com as ações?

Ações de companhias privadas podem subir. Para empresas como PetroRio e 3R Petroleum, esse corte pode fazer com que seus ganhos aumentem. Com isso, as ações sobem.

Traz problemas para a Petrobras. O corte de produção traz algumas dúvidas em relação à política de Preços de Paridade de Importação (PPI) da estatal. Quando o preço do petróleo caiu no começo do ano, a Petrobras reduziu rápido o preço nas refinarias, diz Ilan Arbetman, analista de de pesquisa da Ativa. Resta saber se, agora, na alta, ela vai fazer o mesmo.

Para as ações de empresas privadas, a recomendação dos especialistas é de compra. A 3R Petroleum tem classificação de compra e preço alvo de R$ 99 por ação pelo Banco Safra. A XP também recomenda compra de PRIO3, que segundo a corretora, pode valorizar 28% ao longo do ano e chegar a um preço alvo de R$ 41,60.

Já Petrobras é mais arriscada. 60% dos analistas continuam recomendando a compra do ativo. No caso do Bank of America (BofA), o preço alvo é de R$ 30 (PETR4), assumindo um cenário com o preço do petróleo Brent de US$ 100 por barril para o final de 2023. O valor hoje é de R$ 24,14, o que daria uma alta de 24,27%.

Este material não é um relatório de análise, recomendação de investimento ou oferta de valor mobiliário. Este conteúdo é de responsabilidade do corpo jornalístico do UOL Economia, que possui liberdade editorial. Quaisquer opiniões de especialistas credenciados eventualmente utilizadas como amparo à matéria refletem exclusivamente as opiniões pessoais desses especialistas e foram elaboradas de forma independente do Universo Online S.A.. Este material tem objetivo informativo e não tem a finalidade de assegurar a existência de garantia de resultados futuros ou a isenção de riscos. Os produtos de investimentos mencionados podem não ser adequados para todos os perfis de investidores, sendo importante o preenchimento do questionário de suitability para identificação de produtos adequados ao seu perfil, bem como a consulta de especialistas de confiança antes de qualquer investimento. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura e não está isenta de tributação. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, a depender de condições de mercado, podendo resultar em perdas. O Universo Online S.A. se exime de toda e qualquer responsabilidade por eventuais prejuízos que venham a decorrer da utilização deste material.