Bolsas

Câmbio

Bolsa sobe 0,82% no 2º dia de alta, e atinge maior nível em mais de 2 meses

Do UOL, em São Paulo

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou esta terça-feira (17) em alta de 0,82%, a 64.354,65 pontos. É o segundo avanço seguido da Bovespa, que havia subido 0,28% na véspera.

Este é também o maior nível de fechamento desde 31 de outubro (64.924,52 pontos).

A alta desta terça-feira foi influenciada, principalmente, pelo avanço de mais de 2% das ações do Bradesco e do Itaú Unibanco, além do desempenho positivo dos papéis do Banco do Brasil, da Ambev e das ações preferenciais (com prioridade na distribuição de dividendos) da Petrobras.

Por outro lado, as ações da mineradora Vale e os papéis ordinários (com direito a voto em assembleia) da Petrobras fecharam em baixa.

Dólar cai 0,81%, a R$ 3,212

No mercado de câmbio, o dólar comercial fechou em queda de 0,81%, cotado a R$ 3,212 na venda, após duas altas seguidas. Na véspera, o dólar havia fechado com avanço de 0,52%.

A sessão foi influenciada, principalmente, pela atuação do Banco Central no mercado de câmbio e também pela queda da moeda norte-americana no exterior.

Bolsas internacionais

Bolsa da Inglaterra caiu 1,46%, a maior queda em um dia desde junho de 2016, após a primeira-ministra britânica, Theresa May, dizer que o Reino Unido deixará o mercado único da União Europeia

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos