ipca
-0,21 Nov.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Cotações

Dólar cai pelo 3º dia e fecha a R$ 3,625, com ação do BC; Bolsa perde 2,26%

Do UOL, em São Paulo

23/05/2018 17h05Atualizada em 23/05/2018 17h28

O dólar comercial fechou esta quarta-feira (23) em queda de 0,54%, cotado a R$ 3,625 na venda. É a terceira baixa seguida da moeda norte-americana, que caiu 1,2% na véspera.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou em queda de 2,26%, a 80.867,29 pontos. Na véspera, a Bolsa havia subido 1,13%.

Leia também:

Eletrobras despenca 11,5%

Entre os destaques da Bolsa, as ações da Eletrobras despencaram 11,47%, na maior queda do dia. Na véspera, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que a Medida Provisória 814, que trata da privatização da elétrica estatal, não será votada pelo Congresso e perderá a validade.

As ações da Petrobras (-5,83%), do Bradesco (-2,63%), do Banco do Brasil (-2,16%), do Itaú Unibanco (-1,89%) e da mineradora Vale (-0,76%) fecharam em queda. Essas empresas têm grande peso sobre o índice.

Ação do BC e juros nos EUA

O Banco Central manteve a atuação mais firme no mercado de câmbio, iniciada na segunda-feira (21), o que contribuiu com a queda do dólar, apesar de preocupações crescentes com uma possível guerra comercial entre Estados Unidos e China.

O movimento do dólar no dia também foi influenciado pela ata da última reunião do Fed (Federal Reserve, banco central dos EUA). O documento não deu indicações sobre uma eventual aceleração no ritmo de alta dos juros no país, o que poderia atrair para lá recursos aplicados em outros mercados, como o brasileiro.

(Com Reuters)