ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Cotações

Dólar sobe, a R$ 3,744; Bolsa avança 2,26% e tem maior alta em 4 meses

Do UOL, em São Paulo

19/06/2018 17h06Atualizada em 19/06/2018 17h30

O dólar comercial fechou esta terça-feira (19) em alta de 0,12%, cotado a R$ 3,744 na venda. É o segundo avanço seguido da moeda norte-americana, que subiu 0,27% na véspera.

Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou em alta de 2,26%, a 71.394,34 pontos, após quatro baixas consecutivas. Essa é a maior alta percentual diária desde 14 de fevereiro (+3,27%). Na véspera, a Bolsa caiu 1,33% e terminou o dia abaixo de 70 mil pontos pela primeira vez desde agosto de 2017.

Leia também:

BB dispara 7%

Entre os destaques da Bolsa, as ações do Banco do Brasil (+7,01%), da Petrobras (+6,34%), do Bradesco (+5,81%), do Itaú Unibanco (+4,51%) tiveram fortes ganhos. Por outro lado, os papéis da mineradora Vale (-1,85%) fecharam em queda. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

Mercado teme guerra comercial entre EUA e China

Investidores estavam cautelosos diante do aumento nas tensões comerciais entre Estados Unidos e China. O presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçou impor tarifa de 10% sobre US$ 200 bilhões em bens chineses, e Pequim alertou que deve retaliar.

No Brasil, a alta do dólar foi contida, em parte, pela atuação do Banco Central no mercado de câmbio, que manteve os leilões de swaps cambiais tradicionais (equivalentes à venda futura de dólares) nesta sessão. Além disso, o BC prometeu ofertar US$ 10 bilhões em novos contratos de swaps cambiais nesta semana.

(Com Reuters)

Mais Cotações