Topo

Finanças pessoais


Precisa de dólar, mas ficou muito caro? Saiba o que fazer

Vinicius Pereira

Colaboração para o UOL, em São Paulo

2019-03-29T04:00:00

2019-03-29T11:11:21

29/03/2019 04h00Atualizada em 29/03/2019 11h11

O dólar deu uma disparada em março, chegando a encostar em R$ 4, depois de cair a R$ 3,66 no fim de janeiro. Uma das razões foi a disputa pública entre o governo Bolsonaro e o Congresso.

A cotação teve um recuo ontem, mas ainda está alta. O que fazer caso você precise comprar dólares logo agora? Segundo especialistas consultados pelo UOL, quem realmente necessita adquirir a moeda americana deve apelar à boa e velha pesquisa de preços.

"O interessado de última hora deve pesquisar bastante, em casas de câmbio e corretoras idôneas, para não ter nenhum tipo de inconveniente e achar o melhor preço", disse Juvenal Marcelo dos Santos, superintendente de Varejo do Grupo Travelex Confidence.

Divida a compra em parcelas

Para ele, caso o cliente tenha tempo, ele deverá fracionar a compra em diversas vezes para obter uma média das cotações ao longo de um intervalo.

"Com até duas semanas de antecedência, já é possível acompanhar o mercado e ir comprando aos poucos, fracionado", afirmou Santos.

De acordo com ele, quanto maior for o tempo, melhor serão as possibilidades de compra da moeda pelo menor preço.

Reduza a quantidade se necessário

Para o educador financeiro Reinaldo Domingos, quem já está com viagem marcada não deve desistir de ir, mas repensar alguns gastos.

"Você pode comprar menos dólares. Repense os gastos. Talvez não dê mais para levar US$ 5.000, mas sim US$ 4.800. O importante é não deixar de ir", disse ele.

Preocupações com a reforma da Previdência

A troca de farpas entre membros do governo Bolsonaro e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM) piorou o clima político e aumenta a preocupação de investidores com a tramitação da reforma da Previdência.

Ontem houve acenos de paz e avanços, como a nomeação do relator da comissão que vai avaliar a reforma.

O temor que causa a alta do dólar era de que o governo não consiga articular os parlamentares para aprovar a proposta, considerada pelo mercado fundamental para equilibrar as contas públicas do país.

Dólar comercial x dólar turismo

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, se refere ao dólar comercial. Para turistas, o valor sempre é maior graças a taxas e à margem de lucro das empresas que comercializam a moeda.

Entenda como funciona o câmbio do dólar

UOL Notícias

Mais Finanças pessoais