PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

FIA realiza webinar sobre o Prêmio Lugares Incríveis Para Trabalhar

A premiação é uma iniciativa conjunta com o UOL para reconhecer as melhores práticas em gestão de pessoas - UOL
A premiação é uma iniciativa conjunta com o UOL para reconhecer as melhores práticas em gestão de pessoas Imagem: UOL

Denyse Godoy

do UOL, em São Paulo

29/03/2021 08h08

A Fundação Instituto de Administração (FIA) realiza nesta terça-feira (30) um webinar para apresentar o Prêmio Lugares Incríveis Para Trabalhar, uma parceria com o UOL que tem em 2021 a sua segunda edição. A iniciativa busca reconhecer as empresas com as melhores práticas em gestão de pessoas, medidas por meio de uma pesquisa gratuita de satisfação dos funcionários.

O webinar, que começa às 10h30, será conduzido pela equipe técnica da pesquisa FIA Employee Experience (FEEx): Daniel Mello, Filipe Fonoff e Matthias Wegener. Os participantes poderão tirar dúvidas sobre os questionários a serem respondidos pelos colaboradores e pelo departamento de Recursos Humanos das empresas participantes da premiação e o cronograma da pesquisa. Também estará presente o professor André Fischer, coordenador da pesquisa, que vai mostrar alguns resultados da edição de 2020 e falar sobre as tendências da gestão de pessoas neste período tão desafiador. A coordenadora editorial do prêmio no UOL, Tatiana Schibuola, compartilhará o que esperar dos conteúdos produzidos a partir da pesquisa em 2021.

Para participar do webinar, é preciso acessar o site da FIA: https://fia.com.br/palestras/lugares-incriveis-para-trabalhar/. As inscrições para a premiação estão abertas e vão até o dia 15 de junho.

O prêmio

Empresas que têm a partir de 50 funcionários podem participar - a avaliação é segmentada em pequenas (até 300 funcionários), médias (de 301 a 1500) e grandes (acima de 1500). As principais categorias de premiação são: melhor empresa, melhor liderança e melhor presidente (CEO).

A avaliação das companhias tem duas etapas. Na primeira, que vai até 30 de junho, os funcionários respondem anônima e digitalmente um questionário com perguntas sobre o trabalho do CEO, a atuação das demais lideranças e a sua satisfação com o clima organizacional. Ao mesmo tempo, o RH responde outro sobre as práticas de gestão.

Cada um desses quatro temas compõe um indicador. Com peso de 5% para o Índice do CEO, de 5% para o Índice de Liderança, de 60% para o Índice de Clima e de 30% para o Índice de Gestão de Pessoas), é calculado o Índice FIA Employee Experience, que determina a classificação de cada empresa. As que atingem determinadas notas mínimas passam para a fase seguinte.

Na etapa final, especialistas apontados pela FIA vão realizar uma auditoria nas empresas classificadas, checando a acuracidade das informações prestadas pelo RH. Os vencedores serão anunciados em um evento organizado pela FIA e pelo UOL em agosto.

PUBLICIDADE