PUBLICIDADE
IPCA
0,36 Jul.2020
Topo

Abcam considera que governo atendeu reivindicações dos caminhoneiros e recomenda fim da paralisação

28/05/2018 08h15

SÃO PAULO (Reuters) - A Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam) considera que os objetivos da greve da categoria foram atingidos após o presidente Michel Temer anunciar na noite de domingo uma série de concessões aos manifestantes, e recomendou o fim do movimento.

"O objetivo inicial foi atingido", disse nesta segunda-feira a assessora de imprensa da Abcam, entidade que tinha rejeitado um primeiro acordo anunciado pelo governo com representantes da categoria na quinta-feira, frustrando na ocasião a expectativa do governo de fim do movimento.

Leia também:

O presidente Michel Temer anunciou na noite de domingo uma série de concessões aos caminhoneiros, como a redução do preço do diesel em R$ 0,46, e o congelamento do preço por um período de 60 dias, entre outras medidas. O custo das medidas para atender as demandas chega a 10 bilhões de reais.

"Acredito que até o final do dia vai haver uma redução significativa de caminhoneiros parados nas rodovias", disse a assessora da Abcam, acrescentando que provavelmente nem todos caminhoneiros já tomaram conhecimento das medidas adotadas pelo governo.

(Por Raquel Stenzel)

Preço da gasolina chega a R$ 9,99 em posto no DF

UOL Notícias