PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Cotações

Ação da Petrobras chega a cair mais de 6% e lidera perdas na Bolsa

Pedestre diante da sede da Petrobras no Rio de Janeiro - RICARDO MORAES
Pedestre diante da sede da Petrobras no Rio de Janeiro Imagem: RICARDO MORAES

Aluísio Alves

19/02/2021 10h21Atualizada em 19/02/2021 13h04

As ações da Petrobras operavam em forte queda hoje, liderando as perdas do Ibovespa, com a repercussão a ameaças verbalizadas na véspera pelo presidente Jair Bolsonaro diante dos sucessivos reajustes de preços praticados pela petrolífera.

Por volta das 13h, a ação preferencial da Petrobras, com prioridade na distribuição de dividendos, caía 5,02%, enquanto a ação ordinária, com direito a voto em assembleia, recuava 6,22%. O Ibovespa perdia 0,38%, a 118.751,73 pontos.

Bolsonaro afirmou em transmissão na noite da véspera que "obviamente" vai ter consequência a fala do presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, que dias atrás havia dito que a ameaça de greve de caminhoneiros não era problema da empresa.

Na véspera, a Petrobras anunciou reajustes no preço do diesel e da gasolina, a partir desta sexta-feira.

Cotações