Bolsas

Câmbio

Para acreditarem na sua fala, precisa ter saber, emoção e coerência

Reinaldo Polito

Reinaldo Polito

Veja no vídeo acima quais são os requisitos para que um profissional tenha credibilidade. Se a pessoa que se apresenta em público não tiver credibilidade, dificilmente conseguirá que a plateia aceite suas ideias e sugestões. Para que alguém seja bem-sucedido em suas apresentações, é preciso que os ouvintes confiem em suas palavras.

Naturalidade

Para conquistar a confiança dos pares, subordinados e superiores hierárquicos, o profissional precisa se expressar com naturalidade, pois se o público perceber qualquer tipo de artificialismo em seu comportamento poderá colocar em dúvida as suas intenções.

Emoção

Apenas falar com naturalidade, entretanto, não será suficiente para que obtenha sucesso. Além da espontaneidade, o profissional deve falar com entusiasmo e emoção. É fácil deduzir que, se alguém se apresenta sem demonstrar interesse sobre o assunto que transmite, não poderá pretender o envolvimento dos ouvintes.

Conhecimento

Outro aspecto importante para a conquista da credibilidade é a demonstração de conhecimento sobre o tema que desenvolve. Para isso, o orador deve falar com desenvoltura e desembaraço. Se o profissional se apresentar de forma tímida, acanhada ou desconfortável, passará a ideia de que não possui domínio sobre a matéria que expõe.

A dedução é simples: se não possui domínio, é porque não tem conhecimento; se não conhece o assunto, não tem autoridade; se não tem autoridade, também não poderá ter credibilidade. Por isso, não basta somente ter conhecimento, é preciso demonstrar esse conhecimento no momento de se apresentar.

Coerência

Finalmente, o mais importante de todos os ingredientes para que o orador tenha credibilidade: a coerência. Entra aí tudo o que ele realizou ou deixou de fazer ao longo de sua vida, especialmente suas realizações profissionais. As pessoas, até sem ter consciência, avaliam se ele prometeu e cumpriu suas promessas, se estabeleceu metas e se dedicou para atingi-las, se foi leal com seus companheiros. Enfim, se as suas palavras encontram e sempre encontraram respaldo em suas atitudes.

Resumindo. Para que um profissional tenha credibilidade precisa contar com os seguintes requisitos:

  • Falar com naturalidade
  • Falar com emoção
  • Demonstrar conhecimento
  • Ter coerência

Superdicas da semana:

  • Mesmo que tenha prejuízo cumpra suas promessas
  • Se não puder cumprir, não prometa
  • Seja sempre você mesmo. O artificialismo tira a credibilidade
  • Fale com desembaraço e competência para demonstrar seu conhecimento
  • Seja coerente

Livros de minha autoria que ajudam a refletir sobre esse tema: "29 Minutos para Falar Bem em Público", publicado pela Editora Sextante; "As Melhores Decisões não Seguem a Maioria", "Oratória para advogados", "Assim é que se Fala", "Conquistar e Influenciar para se Dar Bem com as Pessoas", "Superdicas para escrever uma redação nota 1.000 no ENEM" e "Como Falar Corretamente e sem Inibições", publicados pela Editora Saraiva; e "Oratória para líderes religiosos", publicado pela Editora Planeta.

Siga no Instagram - @reinaldo_polito
Siga pelo Facebook - facebook.com/reinaldopolito
Pergunte para saber mais contatos@polito.com.br

Reinaldo Polito

Autor de 31 livros que venderam mais de 1 milhão de exemplares, dá dicas de expressão verbal para turbinar sua carreira.

UOL Cursos Online

Todos os cursos