PUBLICIDADE
IPCA
1,15 Dez.2019
Topo

Cotações


Dólar volta a subir e fecha semana em R$ 4,109; Bolsa renova recorde

Valor do dólar divulgado pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial; para turistas, valor é sempre maior - Getty Images/Bill Oxford
Valor do dólar divulgado pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial; para turistas, valor é sempre maior Imagem: Getty Images/Bill Oxford

Do UOL, em São Paulo

13/12/2019 17h04

A cotação do dólar comercial voltou a subir e fechou o dia a R$ 4,109 na venda. Mesmo com a alta de 0,38% registrada hoje, a moeda americana acumulou queda de 0,89% na semana, a segunda seguida.

Principal índice da Bolsa brasileira, o Ibovespa encerrou o pregão em leve alta de 0,33%, aos 112.564,86 pontos - o suficiente para renovar o recorde alcançado ontem (112.199,74). Na semana, o indicador acumulou valorização de 1,3%.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para turistas, o valor é sempre maior.

Cenário externo

O dia foi novamente marcado pela expectativa com as notícias sobre o acordo comercial entre Estados Unidos e China.

Investidores avaliaram o acordo comercial como menos positivo do que o colocado nos preços, com cancelamento de tarifas, mas manutenção das já existentes e carência de detalhes oficiais sobre outros pontos.

"O resultado veio melhor do que o esperado há dez dias, mas pior do que se esperava três dias atrás, por isso o ajuste (a alta) do dólar", disse Roberto Serra, gestor sênior de câmbio da Absolute Investimentos, à agência de notícias Reuters. "Houve uma expectativa construída e agora veio a realidade", completou.

* Com Reuters

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.

Entenda como funciona o câmbio do dólar

UOL Notícias

Cotações