Topo

Finanças pessoais


BTG e Órama zeram taxa de fundo DI, que fica melhor do que o Tesouro Selic

Téo Takar

Do UOL, em São Paulo

2019-03-15T19:44:20

15/03/2019 19h44

Duas plataformas de investimento, BTG Pactual e Órama, decidiram zerar a taxa de administração de seus fundos mais básicos, que investem exclusivamente em títulos públicos pós-fixados, conhecidos como Tesouro Selic.

Na prática, com a taxa zero será mais vantajoso aplicar por meio desses fundos do que comprar os títulos pós-fixados diretamente no Tesouro Direto, onde há cobrança de uma taxa de custódia de 0,25% ao ano. A taxa reduz o ganho do investimento ao longo do tempo.

"Agora, será possível obter a mesma rentabilidade, com os mesmos papéis, sem pagar taxa e também com liquidez diária", disse Sandra Blanco, consultora de investimentos da Órama.

Os fundos DI possuem rentabilidade um pouco superior à poupança, mesmo após a dedução de Imposto de Renda. Eles são indicados principalmente para os investidores que querem guardar recursos que necessitem de liquidez, ou seja, precisam ser sacados a qualquer momento, como a reserva de emergência.

Veja o que levar em conta antes de escolher uma corretora

UOL Notícias

Mais Finanças pessoais