PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Metal Leve e Mitre: veja duas boas opções de ações para o curto prazo

Conteúdo exclusivo para assinantes

Felipe Bevilacqua

16/03/2021 08h35

Hoje analisarei o momento de duas companhias que apresentaram resultados ontem (15/3), após fechamento do mercado: a Metal Leve, empresa do setor automotivo que surpreendeu no quarto trimestre, e a Mitre, incorporadora imobiliária que apresentou bons números. Entenda como essas duas ações podem ser boas opções no curto prazo.

Como expectativa para o anúncio de um esperado aumento da taxa Selic é algo muito importante para o sobe e desce do mercado, nós programamos para hoje, às 17 horas, uma LIVE exclusiva para assinantes do UOL Economia+ sobre o que esperar do início de aumento de juros no Brasil. Espero você lá.

O UOL Economia tem uma área exclusiva para quem quer investir seu dinheiro de maneira segura e lucrar mais do que com a poupança. Conheça!

Confira a seguir a análise de Felipe Bevilacqua, analista e sócio-fundador da casa de análise Levante Ideias de Investimento. Todos os dias, Belivacqua traz notícias e análises de empresas de capital aberto para você tomar as melhores decisões de investimentos. Este conteúdo é exclusivo para os leitores de UOL Economia+. Conheça os recursos do serviço de orientação financeira UOL Economia+, para quem quer investir melhor.

Resultados da Metal Leve (LEVE3)

A Metal Leve (LEVE3) divulgou números fortes referentes ao quarto trimestre de 2020, acima do esperado.

Como destaques positivos, temos a alta de 30,4% da receita líquida no quarto trimestre de 2020 na comparação com o mesmo período de 2019, contabilizando R$ 776,7 milhões no quarto trimestre de 2020. No acumulado do ano, houve uma contração de 4,9% da receita na comparação com 2019, totalizando R$ 2,4 bilhões em 2020.

O lucro líquido registrou alta de 52,3% na comparação com o mesmo período de 2019, contabilizando R$ 100,8 milhões no quarto e último trimestre de 2020. No acumulado do ano, houve queda de 51,9%, totalizando R$ 124,5 milhões em 2020.

A Metal Leve divulgou resultados sólidos, acima das expectativas, com destaque para o aumento de vendas de peças para carros usados no mercado doméstico. Dessa forma, esperamos impacto positivo no preço das ações LEVE3 no curto prazo.

Resultados da Mitre (MTRE3)

A incorporadora Mitre Realty (MTRE3) confirmou o crescimento forte de receita líquida, além da melhora de margens, mantendo um bom ritmo de lançamentos e vendas no segundo semestre, e ainda com robusto landbank (terreno disponível para construção).

Os resultados vieram acima das estimativas e podem impulsionar a valorização das ações (MTRE3) no curto prazo. Os principais destaques:

i) Receita Líquida de R$ 154,7 milhões no quarto trimestre (crescimento de 26,8% na comparação com o mesmo período de 2019).

ii) Margem Bruta de 34% no trimestre, ante 27,4% no quarto trimestre de 2019.

iii) Lucro Líquido de R$ 22,5 milhões, crescimento de 329,3% em relação ao quarto trimestre de 2019 puxado pelas melhoras de margens operacionais e resultado financeiro.

Além dos bons dados operacionais, a empresa ainda mantém um estoque de terreno para construção em torno de R$ 5 bilhões, suficiente para mais 5 anos de lançamentos sem necessidade de novas aquisições de terrenos

Os resultados mostram a boa administração e dissipam dúvidas em relação ao ritmo de crescimento sem abrir mão da rentabilidade. O principal desafio, daqui em diante, será contornar os sucessivos aumentos de custo de construção. Há risco de queda da rentabilidade para o setor. O aumento dos juros também pode afetar o poder de compra da população no médio prazo.

Este material foi elaborado exclusivamente pela Levante Ideias e pelo analista Felipe Bevilacqua (sem qualquer participação do Grupo UOL) e tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta de valor mobiliário ou promessa de retorno financeiro e/ou isenção de risco . Os valores mobiliários discutidos neste material podem não ser adequados para todos os perfis de investidores que, antes de qualquer decisão, deverão realizar o processo de suitability para a identificação dos produtos adequados ao seu perfil de risco. Os investidores que desejem adquirir ou negociar os valores mobiliários cobertos por este material devem obter informações pertinentes para formar a sua própria decisão de investimento. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Os desempenhos anteriores não são indicativos de resultados futuros.

PUBLICIDADE