PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Ações de varejistas e bancos são as preferidas de analistas para dezembro

Conteúdo exclusivo para assinantes

Márcio Anaya

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/12/2020 04h00

Ações de empresas de varejo e de bancos lideram as escolhas dos analistas nas carteiras indicadas para dezembro, segundo acompanhamento feito pelo UOL Economia+, com um grupo de oito corretoras. Confira a seguir os papéis recomendados nesses segmentos:

Giro de ações no varejo

Os portfólios selecionados em dezembro mostram uma grande movimentação de papéis de varejistas —uma as principais apostas dos analistas nos últimos meses, principalmente em razão do bom desempenho das vendas online durante a pandemia.

Neste mês, são cinco representantes entre as recomendações: Centauro, Lojas Americanas, Renner, Magazine Luiza e Via Varejo, sendo que as duas últimas foram destaque na lista geral do período, acumulando cinco e quatro indicações, respectivamente.

As outras três companhias tiveram apenas um apontamento cada, mas todas figuram como novidades nas carteiras mensais das corretoras. A Centauro ingressou na seleção da BB Investimentos, a Lojas Americanas estreou na lista da MyCap, e a Renner passou a fazer parte das recomendações da Guide Investimentos.

Em seu relatório deste mês, a corretora do BB diz esperar que o desempenho das vendas realizadas durante a Black Friday e as notícias relacionadas à aprovação de vacinas contra a covid-19 favoreçam os papéis das varejistas ainda bastante descontadas em Bolsa.

Chama atenção também o rodízio de ações do segmento. A Via Varejo, por exemplo, deixou os portfólios de duas corretoras: da BB Investimentos e da MyCap, que optaram por Magazine Luiza e Lojas Americanas, respectivamente. No caso da Ágora Investimentos, foi o contrário: a instituição decidiu trocar os papéis das Lojas Americanas pelos da Via Varejo neste mês.

Bancos seguem firmes

O setor bancário também se manteve, em dezembro, entre os preferidos dos especialistas. Os papéis do Banco do Brasil, Bradesco e Itaú receberam duas indicações cada um, entre os oito portfólios analisados. As units (cesta de ações) do Santander, selecionadas pela corretora do BB, completam a lista.

Quase todos esses ativos já estavam nas carteiras de novembro. A única exceção foi a inclusão das ações preferenciais (PNs) do Itaú no portfólio recomendado pela Guide, em substituição às units do BTG Pactual.

Em relatório, a corretora afirma que os papéis do setor financeiro vêm sendo negociados com desconto frente ao retorno histórico sobre o patrimônio líquido. Além disso, destaca o elevado potencial de ganho com os dividendos pagos pelo Itaú —projetado em 4,5% em um horizonte de 12 meses— e a possível reversão, em 2021, das perdas apuradas com provisões feitas pela instituição neste segundo semestre.

Confira aqui outros destaques e as carteiras completas recomendadas para dezembro. Os códigos e preços das ações podem ser conferidos na página de cotações do UOL Economia.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.

PUBLICIDADE