PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Ações da Suzano estão entre os destaques das recomendações da semana

Conteúdo exclusivo para assinantes

Márcio Anaya

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/03/2021 04h00

A Suzano, uma das maiores produtoras integradas de papel e celulose de eucalipto da América Latina, é um dos destaques da semana entre as carteiras de ações selecionadas por analistas - com duas indicações de compra. O levantamento, realizado pelo UOL Economia+, considera as divulgações feitas por seis instituições.

  • Conheça o UOL Economia+, serviço completo de orientação financeira do UOL para assinantes.

Os papéis da empresa foram mantidos nas carteiras recomendadas pela Mirae Asset Corretora e pela MyCap. Na quarta-feira (24), a companhia realizou um evento especial com analistas e investidores, chamado de "Suzano Day", para falar sobre seus negócios.

Além da Suzano, empresas de varejo também se destacaram. Confira abaixo quais são elas.

Suzano é destaque na semana

Um dos anúncios foi o de um reajuste nos preços da celulose na China, para o recorde de US$ 780 por tonelada, a partir de abril. Haverá também aumentos na Europa e nos Estados Unidos.

A Suzano divulgou ainda a estimativa de alcançar gradualmente, até 2024, um desembolso operacional de cerca de R$ 1.400 por tonelada de celulose. A projeção, diz o comunicado da empresa, reflete valores reais, sem considerar premissas de inflação ou variação cambial no período.

Grendene é novidade no varejo

O setor varejista teve a estreia das ações da Grendene, uma das maiores produtoras mundiais de calçados, entre as recomendações de compra da semana. A companhia ingressou no portfólio indicado pela MyCap, elaborado a partir da análise gráfica dos papéis.

Outra novidade no segmento foi a entrada da Via Varejo na carteira recomendada pela XP Investimentos, também com base na análise técnica das ações. A empresa figura ainda, desde o início do ano, na seleção montada pela Terra Investimentos.

Uma das estrelas do ramo no ano passado, o Magazine Luiza recebeu apenas uma indicação nesta semana, por parte da MyCap, e foi substituído pela Mirae.

Em outro nicho de atuação no varejo, o de construção civil, a Lojas Quero-Quero deixou de fazer parte dos destaques escolhidos pela XP.

Energia traz empresa de transmissão

Entre as poucas recomendações no setor de energia elétrica para esta semana, chama atenção a estreia das ações de uma companhia "pura" de transmissão —a Isa Cteep—, cujas ações integram a lista preparada pela Elite Investimentos. Trata-se da maior empresa privada de transmissão do país, com atuação em 17 estados, de forma direta ou via subsidiárias.

Outra novidade da semana são as ações preferenciais (PNs) da Cemig, que ingressaram na carteira da XP. Além de atuar em geração, transmissão, distribuição e comercialização de energia elétrica, o grupo mineiro possui negócios na área de distribuição de gás natural.

Isa Cteep e Cemig foram as únicas empresas do segmento indicadas nesta semana. Na outra ponta, a gigante estatal Eletrobras e a Eneva, maior operadora privada de gás natural do país, deixaram a relação geral de recomendações.

Na última terça (23), o Diário Oficial da União trouxe resoluções do Ministério da Economia que recomendam a inclusão da Eletrobras no PND (Programa Nacional de Desestatização).

Confira aqui outros destaques e as carteiras completas de ações recomendadas nesta semana. Os códigos e preços dos papéis podem ser conferidos na página de cotações do UOL Economia.

UOL Economia+ fará evento para quem quer investir

Entre os dias 23 e 25 de março, o UOL Economia+ e a casa de análises Levante Ideias de Investimento realizarão evento online gratuito. O economista Felipe Bevilacqua, analista certificado e gestor especialista da Levante, comandará três grandes aulas para explicar ao leitor do UOL como assumir as rédeas do próprio dinheiro.

O evento é gratuito para todos os leitores UOL. Garanta o seu lugar no evento aqui.

Ao clicar em “Enviar”, você concorda com a Política de Privacidade do Grupo UOL e aceita receber e-mails de produtos e serviços do Grupo UOL e demais empresas integrantes de seu grupo econômico. O Grupo UOL utiliza as informações fornecidas para entrar em contato ofertando produtos e serviços. Você pode deixar de receber essas comunicações quando quiser.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.

PUBLICIDADE