ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Cotações

Dólar sobe e fecha acima de R$ 3,90, com temores sobre Turquia; Bolsa cai

Do UOL, em São Paulo

15/08/2018 17h07Atualizada em 15/08/2018 17h23

dólar comercial fechou esta quarta-feira (15) em alta de 0,87%, cotado a R$ 3,901 na venda, após cair 0,78% na véspera. É o maior valor de fechamento desde 5 de julho, quando a moeda norte-americana terminou o dia a R$ 3,934.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou em queda de 1,94%, a 77.077,99 pontos, após duas altas seguidas. Na véspera, a Bolsa subiu 1,43%.

Leia também:

Ações em baixa

Entre os destaques da Bolsa, as ações da Petrobras (-4,65%), da mineradora Vale (-4,45%), do Banco do Brasil (-2,12%), do Bradesco (-1,2%) e do Itaú Unibanco (-0,67%) fecharam em queda. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

Tensões entre Turquia e EUA

A situação da Turquia voltou a trazer nervosismo aos mercados. O país dobrou as tarifas sobre algumas importações norte-americanas, incluindo álcool, carros e tabaco, nesta quarta-feira, em retaliação aos movimentos dos Estados Unidos. Ainda assim, a lira turca se recuperava frente ao dólar depois de medidas do banco central para sustentar a moeda.

O movimento de recuperação da lira foi isolado, já que as preocupações com a Turquia levaram as demais moedas de países emergentes e o euro a caírem ante o dólar.

No Brasil, investidores seguiam de olho no cenário político, diante da dificuldade de candidatos preferidos pelo mercado subirem nas pesquisas de intenção de votos para a Presidência.

Leia mais sobre a crise na Turquia e seus potenciais impactos em outros países:

(Com Reuters)

Moeda turca tem a maior queda da história em relação ao dólar

redetv