PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Embraer e maior operadora de shoppings são destaque na Bolsa; veja análises

Conteúdo exclusivo para assinantes

Felipe Bevilacqua

11/03/2021 08h44

A Embraer teve a maior alta do dia na Bolsa (B3) ontem, e a Sinqia, empresa de softwares financeiros, e a Aliansce Sonae, maior operadora de shoppings no país em número de imóveis, apresentaram seus balanços de 2020. Veja mais abaixo as oportunidades que isso pode representar para quem investe ou quer investir em ações.

O UOL Economia tem uma área exclusiva para quem quer investir seu dinheiro de maneira segura e lucrar mais do que com a poupança. Conheça!

Confira a seguir a análise de Felipe Bevilacqua, analista e sócio-fundador da casa de análise Levante Ideias de Investimento. Todos os dias, Belivacqua traz notícias e análises de empresas de capital aberto para você tomar as melhores decisões de investimentos. Este conteúdo é exclusivo para os leitores de UOL Economia+. Conheça os recursos do serviço de orientação financeira UOL Economia+, para quem quer investir melhor.

Ontem, a maior alta do dia, de 11,99%, foi da Embraer (EMBR3), que representa 0,44% do Ibovespa. A maior queda do dia, com desvalorização de 5,46%, foi da Suzano (SUZB3), que representa 2,81% do índice.

As ações da fabricante brasileira de aeronaves Embraer reagiram às perspectivas de avanço na vacinação, que pode impulsionar o setor de aviação. As ações da produtora de papel e celulose Suzano caíram com o recuo dólar comercial (queda de 2,49%, cotado aos R$ 5,65). A maior parte da receita da Suzano vem da exportação e é afetada pelo sobe e desce do câmbio.

Sinqia (SQIA3) - Resultados do quarto trimestre

A empresa de softwares financeiros Sinqia (SQIA3) reportou na noite de quarta-feira (10), após o fechamento de mercado, os resultados do último trimestre de 2020. A empresa apresentou resultado operacional recorde, mostrando excelente gestão e resiliência em seu modelo de negócios.

A receita líquida foi de R$ 59 milhões no trimestre, um crescimento de 22,8% na comparação com o quarto trimestre de 2019. No trimestre a companhia alcançou o maior índice de receita recorrente da história.

As despesas gerais e administrativas vieram em R$ 11 milhões no trimestre, número 11,2% abaixo do quarto trimestre de 2019. Com isso, as despesas gerais e administrativas representaram apenas 18,6% da receita líquida. Por fim, o lucro líquido ajustado cresceu 9,9% atingindo R$ 3,1 milhões.

São resultados acima das expectativas, com crescimento de receita e de lucratividade, que projetam impactos positivos nas ações (SQIA3) no curto prazo.

Aliansce Sonae (ALSO3) - Resultados do quarto trimestre

Maior operadora de shopping centers em número de imóveis do país, a Aliansce Sonae apresentou resultados do último trimestre de 2020 após o fechamento de mercado nesta quarta-feira.

Os números vieram piores que o quarto trimestre de 2019. Efeito das restrições de circulação de pessoas, sobretudo no Sudeste. A receita líquida alcançou R$ 216,5 milhões no período, o que representa uma queda de 19,2% na comparação com o mesmo período de 2019.

O resultado não empolga e deve arrastar para baixo os preços das ações por mais alguns meses. No curto prazo, as perspectivas são ruins. Olhando para o longo prazo, porém, as operações dos shoppings com capital aberto na B3 tendem a ser as melhores do mercado.

Como os preços dessas seguem em baixa, essas ações podem ser um bom ou um mau investimento, a depender do horizonte de tempo de manutenção em carteira.

Este material foi elaborado exclusivamente pela Levante Ideias e pelo analista Felipe Bevilacqua (sem qualquer participação do Grupo UOL) e tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta de valor mobiliário ou promessa de retorno financeiro e/ou isenção de risco . Os valores mobiliários discutidos neste material podem não ser adequados para todos os perfis de investidores que, antes de qualquer decisão, deverão realizar o processo de suitability para a identificação dos produtos adequados ao seu perfil de risco. Os investidores que desejem adquirir ou negociar os valores mobiliários cobertos por este material devem obter informações pertinentes para formar a sua própria decisão de investimento. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Os desempenhos anteriores não são indicativos de resultados futuros.

PUBLICIDADE