PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

4 motivos para Itaúsa entrar no radar dos investidores, segundo analista

Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

12/05/2021 04h00

Na última segunda-feira (10), a Itaúsa divulgou um salto de 118,1% no lucro líquido no primeiro trimestre, em relação ao mesmo período do ano anterior. A holding teve um lucro de R$ 2,408 bilhões. O desempenho do banco Itaú é o principal motivo do crescimento da companhia.

"A maior parte das empresas (Itaú, Alpargatas e Duratex) controladas pela Itaúsa é de capital aberto e já divulgou seus resultados nessa temporada. Por isso, os números vieram em linha com as projeções, sem grandes surpresas. Mas isso não quer dizer que o resultado foi ruim", afirma Felipe Bevilacqua, analista e economista da casa de análise Levante Ideias de Investimento.

Para o analista, existem quatro motivos para a Itaúsa entrar no radar dos investidores. Confira abaixo quais são eles.

O analista montou algumas carteiras de investimentos para os assinantes de UOL Economia+. Para quem ainda não pegou as recomendações, elas estão aqui:

Crescimento e eficiência

Por ser uma empresa de participações, a Itaúsa não tem receita própria, somente a receita de equivalência patrimonial. Então, o seu resultado é diretamente impactado pelos resultados dessas empresas [Itaú, Alpargatas e Duratex].
Felipe Bevilacqua

Além do aumento no lucro, a companhia apresentou um retorno sobre patrimônio líquido (ROE) recorrente anualizado de 16,6%, um crescimento expressivo quando comparado aos 8% apresentados no primeiro trimestre de 2020.

Vale lembrar que o ROE é um indicador fundamentalista, que relaciona o lucro de uma empresa com o seu patrimônio líquido. Ou seja, a taxa de retorno em relação ao patrimônio líquido da companhia.

No trimestre, a empresa apresentou uma queda significativa de 54% em seus custos. Esse recuo se deve principalmente à diminuição de 70% em despesas tributárias.

Retorno para o acionista

Em linha com sua estratégia de trazer retorno ao acionista, a Itaúsa está adquirindo empresas em setores com fluxo de capital estável e em setores não financeiros.

No final de abril, a Itaúsa comunicou ao mercado que adquiriu participação em mais uma empresa, dessa vez na área de saneamento básico, a Aegea Saneamento. A companhia investiu cerca de R$ 1,3 bilhão para adquirir 10,2% do capital votante e 8,53% do capital total da Aegea.

Além do novo investimento, a companhia também aumentou sua posição para 8,50% do capital total da NTS.

Cisão Itaú e XP: oportunidade de investimento?

A cisão entre Itaú e XP com o recebimento de BDRs da corretora (que ainda não foram criados) vem fazendo com que os investidores prefiram investir de forma direta no banco, ao invés da holding.

Mesmo a Itaúsa já tendo comunicado ao mercado que não pretende se desfazer das ações da XP após o período permitido, a empresa deixou claro que deve se desfazer aos poucos, uma vez que não considera essa participação estratégica. Ressalta-se que a preferência pelo Itaú faz com que ocorra o aumento do desconto da holding. Tal fato gera uma oportunidade de entrada no investimento.
Felipe Bevilacqua

4 motivos para manter Itaúsa no radar

Diante dos resultados, o analista reitera a recomendação de investimento em Itaúsa, considerando os seguintes pontos:

  1. Valorização e destravamento de valor das ações do Itaú Unibanco (ITUB4), que, em na visão do analista, está descontado em excesso devido aos recentes desdobramentos relativos à pandemia e riscos regulatórios;
  2. Melhora da rentabilidade e volta do pagamento de dividendos de valor elevado pelo Itaú, refletindo nos dividendos distribuídos para os acionistas de ITSA4;
  3. Incorporação das ações da XP em seu portfólio, podendo gerar uma reavaliação do valor de mercado da Itaúsa;
  4. Geração crescente de caixa de suas controladas em geral, com valorização dos valores de mercado destas, impulsionando o valor de mercado total da Itaúsa.

Desempenho das ações

As ações da Itaúsa tiveram um retorno acumulado de 4,08% desde que entraram para as carteiras sugeridas pelo analista.

Confira aqui o relatório com a análise completa de Itaúsa.

Queremos falar com você

Fique atento às notificações do seu e-mail, pois caso haja alguma modificação na sua carteira, você será avisado.

Acompanhe também os boletins diários preparados por Bevilacqua, com análises do cenário macroeconômico e do noticiário corporativo. Você recebe esse boletim todos os dias, antes da abertura do mercado, para começar o dia com as informações das quais precisa. Ainda não recebe os e-mails? Se inscreva aqui na newsletter do UOL Economia+.

Tem alguma dúvida sobre algum investimento? Pode enviar para o Felipe: duvidasparceiro@uol.com.br

Este material foi elaborado exclusivamente pela Levante Ideias e pelo analista Felipe Bevilacqua (sem qualquer participação do Grupo UOL) e tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta de valor mobiliário ou promessa de retorno financeiro e/ou isenção de risco . Os valores mobiliários discutidos neste material podem não ser adequados para todos os perfis de investidores que, antes de qualquer decisão, deverão realizar o processo de suitability para a identificação dos produtos adequados ao seu perfil de risco. Os investidores que desejem adquirir ou negociar os valores mobiliários cobertos por este material devem obter informações pertinentes para formar a sua própria decisão de investimento. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Os desempenhos anteriores não são indicativos de resultados futuros.