PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Ministério da Saúde, auxílio e mais 4 temas que podem afetar o mercado

Conteúdo exclusivo para assinantes

Carol Paiffer

Colaboração para o UOL, em São Paulo

16/03/2021 04h00

Acompanhe no Café com Mercado, do UOL Economia+, seis assuntos que podem afetar a Bolsa nesta terça-feira (16). E uma ação de empresa para você ficar de olho.

1) Troca no Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde tem a terceira mudança de comando desde o início da pandemia.

O Planalto avaliou nomes para substituir o então ministro, Eduardo Pazuello, e escolheu o médico Marcelo Queiroga, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, como novo ministro da pasta.

A decisão, tomada na noite de segunda-feira (15), veio após mais questionamentos sobre a condução da pandemia. Ainda ontem, o então ministro Eduardo Pazuello foi convocado pela comissão temporária do Senado, que acompanha as ações contra a Covid-19, para falar sobre a situação do sistema de saúde e as atitudes de enfrentamento à pandemia.

O desdobramento sobre a troca do comando da pasta pode movimentar o mercado nesta terça-feira (16).

2) MPs do auxílio

Depois da promulgação da PEC Emergencial realizada na segunda-feira (15), pelo Congresso Nacional, o Planalto deve liberar uma Medida Provisório detalhando a recriação do auxílio emergencial e outra criando o crédito extraordinário para pagar os benefícios.

O assunto pode mexer no mercado, pois, de um lado, aumenta a capacidade de compra da população e, de outro, também pode colocar em risco as contas do governo.

O mercado espera mais informações sobre a magnitude do auxílio e do quanto isso pode afetar as contas públicas.

3) Reunião do Copom

Começa nesta terça-feira (16) a reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central para definir, dentre outras coisas, a nova taxa básica de juros, a Selic.

A expectativa do mercado é de que o comitê inicie um novo ciclo de alta.

4) Minério de ferro

A ordem de corte de produção do aço na China continua trazendo perdas para o minério de ferro na Bolsa do país.

O movimento pode continuar refletindo nas empresas Vale (VALE3) e Usiminas (USIM5), que possuem lucro diretamente ligado ao preço do minério.

5) Produção industrial nos EUA

O Fed (Banco Central americano) divulgará a produção industrial do país às 10h15. O indicador mostra como está o aquecimento da economia norte-americana e ajuda a traçar perspectivas para o setor.

6) Balanços

Mais empresas divulgam nesta terça os balanços do quarto trimestre de 2020. São elas: NotreDame Intermédica (GNDI3), Gafisa (GFSA3) e Profarma (PFRM3).

A expectativa pela divulgação pode trazer volatilidade aos papéis destas companhias hoje.

Fique de Olho

A casa de análise Recomenda Ações traz no "Fique de Olho" de hoje a companhia Vivara (VIVA3).

Guilherme Cunha, consultor financeiro da casa, destaca a apresentação do resultado trimestral do quarto trimestre de 2020 da companhia, que ocorrerá na quarta-feira (17). Para ele, a expectativa é de que os resultados fiquem acima do esperado.

Além disso, a empresa tem uma assimetria entre o preço atual da ação e o seu preço justo, está bem posicionada após o seu IPO em 2019 e conseguiu se blindar durante a pandemia por ter público de alta renda.

O programa Café com Mercado é apresentado pela fundadora e presidente da Atom S.A., Carol Paiffer.

Conheça os recursos do serviço de orientação financeira UOL Economia+, para quem quer investir melhor.

Entre no grupo UOL Economia+ e receba notícias de investimento no WhatsApp.

Tem alguma dúvida ou sugestão? Fale com a gente: uoleconomiafinancas@uol.com.br

UOL Economia+ fará evento para quem quer investir

Entre os dias 23 e 25 de março, o UOL Economia+ e a casa de análises Levante Ideias de Investimento realizarão evento online gratuito. O economista Felipe Bevilacqua, analista certificado e gestor especialista da Levante, comandará três grandes aulas para explicar ao leitor do UOL como assumir as rédeas do próprio dinheiro.

O evento é gratuito para todos os leitores UOL. Garanta o seu lugar no evento aqui.

Ao clicar em “Enviar”, você concorda com a Política de Privacidade do Grupo UOL e aceita receber e-mails de produtos e serviços do Grupo UOL e demais empresas integrantes de seu grupo econômico. O Grupo UOL utiliza as informações fornecidas para entrar em contato ofertando produtos e serviços. Você pode deixar de receber essas comunicações quando quiser.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.

PUBLICIDADE