PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Qual o melhor título do Tesouro Direto para ter algum lucro em 5 anos?

Conteúdo exclusivo para assinantes

Colaboração para o UOL, em São Paulo

11/04/2021 04h00

Na renda fixa, você já teve aquela dúvida sobre qual é o melhor título público do Tesouro Direto para resgatar no médio prazo de cinco anos? Tesouro Prefixado ou Tesouro IPCA: qual é a melhor escolha? Esta pergunta foi respondida no Papo com Especialista, programa semanal ao vivo do UOL Economia+.

No programa, o economista César Esperandio fez uma simulação para comparar a rentabilidade dos investimentos em Tesouro Prefixado, cuja rentabilidade você já conhece no momento da aplicação; e Tesouro IPCA, cuja rentabilidade é um percentual definido no momento do investimento somada à variação da inflação até o vencimento.

Veja abaixo a resposta do economista e entenda qual dos títulos é o melhor para resgate em 2026.

O Papo com Especialista é transmitido sempre às quartas-feiras, das 12h30 às 13h30, na página inicial do UOL e do UOL Economia+. O programa é exclusivo para assinantes e, após a transmissão ao vivo, fica disponível para consulta.

Compare os títulos, mas diversifique seus investimentos

O economista César Esperandio explicou na live a diferença entre os dois títulos e como comparar a rentabilidade de cada um:

  • Tesouro Prefixado: o percentual de rentabilidade anual não muda até a data do vencimento, independentemente do que acontecer com a taxa de juros, inflação etc..
  • Tesouro IPCA: tem um componente de juros prefixado e um pós-fixado, atrelado à inflação oficial do país, o IPCA. Há aqui uma garantia de rentabilidade real positiva (acima da inflação).

Qual deles é melhor para um prazo de cinco anos, com vencimento em 2026? Não há um que seja melhor, afirmou o economista. Ele explica que a resposta vai depender da variação da inflação até lá. Até 2026, a inflação pode corroer a rentabilidade do prefixado. Ou, se a inflação ficar baixa, a rentabilidade do prefixado pode ser melhor que a do Tesouro IPCA.

"Em qual investir? Nos dois, assim você se protege do risco. As projeções mudam o tempo todo. Então, recomendo sempre a diversificação de seus investimentos", afirma o economista.

Ele ainda explicou que vale sempre olhar o relatório Focus, do Banco Central, para ver as projeções do IPCA feitas pelos agentes econômicos (bancos, corretoras, principais economistas etc.). O relatório é divulgado sempre às segundas-feiras.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

O UOL Economia+ tem uma newsletter que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar a newsletter, você recebe de graça e semanalmente uma dica resumida sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro (abra este link, procure o título "UOL Economia+" e clique em "Cadastrar").

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.