PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Carteiras de ações prontas: é melhor seguir indicações semanais ou mensais?

Conteúdo exclusivo para assinantes

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/09/2021 04h00

Carteiras prontas, com indicações de ações para investir, são cada vez mais comuns no mercado financeiro. Para as corretoras que divulgam essas carteiras abertamente, é uma oportunidade de captar mais clientes. Para quem está começando a investir e nem sabe por qual empresa começar, é uma facilidade. Mas é melhor seguir recomendações mensais ou semanais?

No Papo com Especialista, programa semanal e ao vivo do UOL, o economista César Esperandio disse que prefere carteiras mensais, mas as semanais têm seu espaço. Entenda abaixo a análise do especialista e assista a um trecho do programa. O Papo com Especialista é um tira-dúvidas sobre investimentos exclusivo para assinantes do UOL e é transmitido toda quinta-feira, às 15h.

Carteiras dão indicações de investimentos

Esperandio explicou que na carteira recomendada você encontra indicações de ações para fazer o seu investimento.

"São recomendações dadas de acordo com o seu perfil [conservador, moderado e arrojado], se você é iniciante ou intermediário, se quer ou não correr mais riscos, se é mais agressivo. Elas te ajudam na distribuição dos seus investimentos, e você pode seguir essas recomendações ou não", disse ele, que também é do canal Econoweek.

O investidor pode ter acesso a essas carteiras nas casas de análise, como a Levante, Suno Research e outros. A Levante, inclusive, é parceira do UOL e criou cinco carteiras de investimentos para perfis diferentes de investidores. Toda semana, os especialistas da casa analisam as carteiras e fazem alterações, quando necessário.

Assinantes do UOL têm acesso às análises e às carteiras aqui.

Outro caminho é buscar essas carteiras nas corretoras onde você tem conta. Cada vez mais, as corretoras têm disponibilizado indicações baseadas no perfil de risco dos clientes.

Para facilitar o investimento, muitas corretoras deixaram de cobrar, ou reduziram, a taxa de corretagem.

Economista prefere carteiras mensais

Esperandio afirmou que prefere ter acesso a carteiras recomendadas mensais.

"Eu sou um investidor mais de médio e longo prazo. Então, esse negócio de comprar e vender ação toda semana, não é por aí. Precisa ter um motivo", disse.

Apesar disso, as carteiras semanais têm seu lugar, principalmente entre investidores que acompanham o mercado de perto, têm perfil mais arrojado e entendem o que estão fazendo.

Para o especialista, antes de trocar de ações toda semana, o investidor precisa pensar com calma.

"Se você investiu um ou dois meses atrás e está pensando em vender essas ações, você deixa de lado benefícios como pagar Imposto de Renda mais barato e receber dividendos de uma empresa lucrativa. Não é só a valorização da ação que conta", afirmou.

Papo com Especialista é toda quinta-feira

O programa Papo com Especialista é transmitido às quintas-feiras, das 15h às 16h, na página inicial do UOL, no UOL Economia e na página de Investimentos, e é exclusivo para assinantes. Reveja programas anteriores aqui.

Você pode enviar perguntas ao Papo pelo e-mail uoleconomiafinancas@uol.com.br —elas podem ser respondidas no programa.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

A página de investimentos do UOL tem uma newsletter gratuita que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar, você recebe todos os dias, antes da abertura da Bolsa, uma análise do mercado feita pelo analista Felipe Bevilacqua, da casa Levante Ideias de Investimentos. Com essa newsletter, você vai aprender a investir e entender o que está acontecendo com o mercado.

Além da newsletter diária, você também recebe, semanalmente, uma análise sobre investimentos, com dicas sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro. Para assinar a newsletter gratuita de investimentos do UOL, é só clicar aqui.

Tem dúvidas sobre ações, fundos e outros investimentos da Bolsa? Envia sua pergunta para duvidasparceiro@uol.com.br.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.

PUBLICIDADE