IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

ANÁLISE

Você não precisa ser rico para investir; veja opções baratas para começar

Renda fixa: Confira como investir com pouco dinheiro - Getty Images/RapidEye
Renda fixa: Confira como investir com pouco dinheiro Imagem: Getty Images/RapidEye

Colaboração para o UOL, em São Paulo

14/02/2023 04h00

Para quem ainda não investe, pode parecer mais interessante gastar R$ 50 em um lanche ou uma roupa em vez de aplicar esse dinheiro. Mas são esses R$ 50, ou um valor ainda menor, que vão fazer diferença na sua vida financeira.

Para a planejadora financeira Vívian Rodrigues, o importante é começar a juntar dinheiro. "A criação de hábito é muito mais importante do que o valor exatamente, neste primeiro momento", declara.

No Papo com Especialista, programa ao vivo do UOL, Vívian diz que há na renda fixa opções baratas para quem quer começar a investir e não pode fazer aportes muito altos.

Leia abaixo a análise da planejadora financeira e assista ao programa completo, que é um tira-dúvidas sobre investimentos exclusivo para assinantes e transmitido semanalmente, às quintas-feiras, das 16h às 17h.

Para também ter sua dúvida respondida no programa, envie sua questão para o Papo pelo email uoleconomiafinancas@uol.com.br.

Como deixar de gastar e começar a investir, mesmo sem dinheiro?

Vívian diz que é mesmo um pouco difícil tomar decisões racionais e mudar a nossa mentalidade. Muitos sabem que é necessário gastar menos do que se ganha e juntar dinheiro para momentos de emergência e para a aposentadoria.

"O que conseguimos é facilitar o nosso contexto para tomar decisões um pouco melhores", afirma. Ou seja, não espere o seu salário cair na conta para decidir onde investir. Faça esses planos com antecedência.

  • Invista pensando em seus projetos.
  • Coloque seus aportes na transferência automática. "Assim, você tem mais chances de criar esse hábito de investir por mais tempo", afirma.

Vale a pena investir mesmo com pouco dinheiro?

Sim. Hoje você consegue acessar produtos muito bons com valores acessíveis, perto dos R$ 50, segundo ela.

CDBs com liquidez diária e títulos do Tesouro Direto, por exemplo, são opções.

A planejadora financeira diz que, para quem vai começar a investir agora, fazendo aportes menores, o foco deve ser a formação da sua reserva de emergência. O Tesouro Selic, que tem liquidez e uma baixa marcação a mercado, é uma opção que permite investir pouco a pouco todos os meses.

Para quem está fazendo os primeiros aportes, a criação de hábito é muito mais importante do que o valor exatamente, neste primeiro momento. É mais fácil aumentar o valor aos poucos. Daí você vai estar no fluxo do poupar e investir, e não no fluxo do só gastar.
Vívian Rodrigues, planejadora financeira

Investir pouco todo mês ou guardar mais para para aplicar de uma vez em um produto que paga mais?

"Não espere juntar uma determinada quantidade de dinheiro, para depois começar a investir ou buscar um investimento melhor", declara Vívian.

Vívian diz que não é uma boa esperar juntar uma determinada quantia para começar a investir. O ideal é decidir já quais são os objetivos para o dinheiro e quais serão os investimentos escolhidos para isso.

Outra dica é criar uma distância entre o investimento e o gasto do dia a dia.

Se você deixar na conta corrente, esperando juntar mais dinheiro antes de investir, fica muito fácil acessar esse dinheiro e gastar com outros objetivos, como uma viagem de fim de semana, uma roupa ou um pedido de delivery em um dia mais corrido.

Com essa distância, você diminui a chance de usar esse dinheiro para outra finalidade. Pequenos gastos são muito mais fáceis de acontecer, se o dinheiro estiver na sua conta.
Vívian Rodrigues, planejadora financeira

Vale investir em um CDB a partir de R$ 1 para viajar em um ano?

Ao investir em um CDB, você está emprestando dinheiro para um banco.

O que vale olhar com atenção:

  • Prazo de vencimento e carência do produto: "Você tem que tomar cuidado para escolher um CDB sem carência maior do que um ano", diz. Segundo ela, o prazo de vencimento é diferente da carência. "Neste caso, você tem que tomar cuidado com carência do que com o vencimento em si."
  • Rentabilidade: Para ter uma rentabilidade melhor, busque um CDB de liquidez diária que renda pelo menos 100% do CDI (que é próximo à taxa Selic). Existem muitas opções.
  • Emissor do produto: Vívian diz que, apesar de o CDB ter a proteção do FGC (Fundo Garantidor de Créditos), você não vai querer passar por essa dor de cabeça, para esperar ter o dinheiro disponível. Portanto, diz ela, vale ficar atento ao banco emissor. "É um banco conhecido? Qual a nota que ele tem? Geralmente, dentro da corretora ou do próprio banco, eles colocam indicação. Quanto mais As ou estrelinhas ele tiver, melhor", diz.

Qual é o melhor investimento para aplicar pouco dinheiro todo mês?

Para quem está começando, é melhor optar pela renda fixa. Porém nem todos os ativos de renda fixa permitem investir todos os meses.

As instituições emissoras - que podem ser bancos ou empresas - podem emitir títulos em um mês e, no mês seguinte, não.

  • Fundos de investimento: Normalmente permitem fazer aportes todos os meses. Há exceções.
  • Renda fixa: Ao fazer um investimento, você está comprando um título. No próximo mês, não necessariamente você conseguirá comprar um título com as mesmas condições de rentabilidade.
  • É o caso de alguns CDBs, LCIs, LCAs, e até do Tesouro Direto, no qual as taxas e o valor dos títulos são definidos pela marcação a mercado.
  • Isso não impede que você faça o investimento todo mês.

A planejadora financeira diz que, quando você investe dentro de um mesmo banco ou da corretora, a cada compra, você vai tendo novos ativos dentro da sua carteira.

Mas não se preocupe. No caso de produtos mais simples, que têm baixa instabilidade e permitem resgate diário, é possível encontrar condições quase idênticas todo mês.

É o caso do Tesouro Direito e dos CDBs de liquidez diária emitidos pelo próprio banco. Esses investimentos mensais vão sendo somados e aparecem em um lugar só na sua carteira.

Papo com Especialista é semanal

O programa Papo com Especialista é transmitido às quintas-feiras, semanalmente, das 16h às 17h, na página inicial do UOL, no UOL Economia e no UOL Investimentos, e é exclusivo para assinantes. Reveja programas anteriores aqui.

Você pode enviar perguntas ao Papo pelo email uoleconomiafinancas@uol.com.br —elas podem ser respondidas no programa.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

A página de investimentos do UOL tem uma newsletter gratuita que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar, você recebe todos os dias, antes da abertura da Bolsa, uma análise do mercado feita pela equipe do PagBank Investimentos. Com essa newsletter, você vai aprender a investir e entender o que está acontecendo com o mercado.

Além da newsletter diária, você também recebe, semanalmente, uma análise sobre investimentos, com dicas sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro. Para assinar a newsletter gratuita de investimentos do UOL, é só clicar aqui. Há ainda conteúdos diários sobre diversos tipos de ativos.

Tem dúvidas sobre ações, fundos e outros investimentos da Bolsa? Envie sua pergunta para uoleconomiafinancas@uol.com.br.

Quer estar sempre bem informado sobre investimentos? Clique aqui e receba notícias e dicas para investir diretamente no seu WhatsApp.

Este material não é um relatório de análise, recomendação de investimento ou oferta de valor mobiliário. Este conteúdo é de responsabilidade do corpo jornalístico do UOL Economia, que possui liberdade editorial. Quaisquer opiniões de especialistas credenciados eventualmente utilizadas como amparo à matéria refletem exclusivamente as opiniões pessoais desses especialistas e foram elaboradas de forma independente do Universo Online S.A.. Este material tem objetivo informativo e não tem a finalidade de assegurar a existência de garantia de resultados futuros ou a isenção de riscos. Os produtos de investimentos mencionados podem não ser adequados para todos os perfis de investidores, sendo importante o preenchimento do questionário de suitability para identificação de produtos adequados ao seu perfil, bem como a consulta de especialistas de confiança antes de qualquer investimento. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura e não está isenta de tributação. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, a depender de condições de mercado, podendo resultar em perdas. O Universo Online S.A. se exime de toda e qualquer responsabilidade por eventuais prejuízos que venham a decorrer da utilização deste material.