PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

CPI da covid-19: qual o impacto para o seu dinheiro? Economista responde

Conteúdo exclusivo para assinantes

Colaboração para o UOL, em São Paulo

28/04/2021 17h04

Instalada nesta terça-feira (27) no Senado, a CPI da covid-19 pode causar impacto nos seus investimentos? O tema foi abordado na live desta quarta-feira (28) do Papo com Especialista, programa semanal do UOL Economia+.

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) irá investigar a conduta do governo federal na pandemia e o repasse de verbas a estados e municípios.

Para o economista César Esperandio, o cenário da CPI não está favorável ao governo, tendo o senador Renan Calheiros (MDB-AL) como o relator da comissão. Calheiros faz oposição ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Mas isso será bom ou ruim para os investimentos?

Assista ao vídeo abaixo e confira toda a análise feita pelo economista. Ele também respondeu a perguntas sobre finanças e investimentos.

O Papo com Especialista é o programa semanal ao vivo do UOL Economia+ e é transmitido sempre às quartas-feiras, das 12h30 às 13h30, na página inicial do UOL e do UOL Economia+. O vídeo (que começa aos 0:29) é exclusivo para assinantes.

Resultado da CPI pode gerar mais volatilidade na Bolsa

Esperandio diz que o impacto da instalação da CPI da covid-19 na Bolsa foi "nulo" no curto prazo, porque, segundo ele, os grandes investidores já esperavam a investigação.

"Mas, para o médio prazo, já que a CPI tem uma duração esperada de 120 dias, eu diria que o potencial é negativo", disse.

Na sua opinião, se as denúncias forem confirmadas, de que o governo negligenciou as medidas de combate ao coronavírus, isso pode trazer grande instabilidade política. "E instabilidade política respinga no mercado financeiro, em quem investe, e até em quem não investe", afirmou.

O economista diz que instabilidade política pode significar temor a novos negócios, devido a incertezas do que vai acontecer no país.

"Quando há incerteza, os empresários com expectativas ruins postergam seus planos de investimento. Isso significa pelo menos o adiamento da contratação de funcionários, o que impacta na taxa de emprego. E desemprego elevado posterga a recuperação da economia", explicou.

Na pior das hipóteses, diz Esperandio, pode haver uma deterioração da situação econômica. "Neste caso, quem investe na Bolsa poderá contar com mais volatilidade dos ativos financeiros, principalmente falando de renda variável. Mas vamos acompanhar com cuidado os próximos passos desta CPI. Tudo é ainda muito imprevisível", disse.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

O UOL Economia+ tem uma newsletter que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar a newsletter, você recebe de graça e semanalmente uma dica resumida sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro (abra este link, procure o título "UOL Economia+" e clique em "Cadastrar").

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.